Vereadores fazem reivindicações para Mossoró

JBelmont

06Dez2017

Por Belmont às 20h22

Vereadores da Câmara Municipal de Mossoró utilizaram o pequeno e grande expedientes, na manhã dessa terça-feira (6), para fazer reivindicações ao poder público. A vereadora Aline Couto (PHS) pediu atenção aos mercados públicos de Mossoró e os vereadores Raério Araújo (PRB) e Ozaniel Mesquita (PR) cobraram o pagamento dos terceirizados que prestam serviços para a prefeitura.

“Os mercados públicos de Mossoró precisam de atenção do poder público. A questão da limpeza, da manutenção dos locais, da segurança, isso tudo precisa ser revisto.”, pediu Aline Couto.

 

Já Raério Araújo e Ozaniel Mesquita chamaram atenção para o atraso no salário dos terceirizados. “Eu digo até que os terceirizados estão em uma espécie de trabalho escravo, porque trabalham sem receber há meses.”, disse Raério. “Precisamos nos unir para cobrar o pagamento desses trabalhadores.”, reforçou Ozaniel Mesquita, que recebeu o apoio dos demais vereadores.

Vereadores recebem terceirizados da Prefeitura

Os vereadores da Câmara Municipal de Mossoró suspenderam a sessão ordinária dessa quarta-feira (06) para receber funcionários que prestam serviço à Prefeitura de Mossoró através de empresas que terceirizam o trabalho.

 

 

Durante a reunião, o presidente do Sindicato dos Empregados em Empresas de Asseio, Conservação, Higienização e Limpeza do Rio Grande do Norte (SINDLIMP/RN), Ivanilson Araújo relatou as dificuldades enfrentadas pela categoria. “A situação está uma calamidade. Tem funcionário que está há cinco meses sem receber salário. Viemos para pedir socorro aos vereadores.”.

A presidente da Câmara, vereadora Izabel Montenegro (PMDB) colocou a Casa Legislativa à disposição dos terceirizados. “É do meu interesse e de todos os vereadores resolver essa questão do atraso salarial dos terceirizados. Tenho certeza que a prefeita Rosalba Ciarlini não está feliz com essa situação e está procurando uma maneira de solucionar isso o mais rápido possível.”

 

 

Sandra Rosado explicou que a situação já vem de outra gestão. “O dinheiro que é repassado para as terceirizadas está sendo bloqueado pela justiça para o pagamento de funcionários que deixaram de receber já na gestão anterior. Isso está causando este atraso agora. Mas a prefeitura está procurando uma solução para essa questão. É de interesse de todos os vereadores e principalmente da prefeita resolver o pagamento dos terceirizados o mais rápido possível.”, reforçou.

Os vereadores se comprometeram em marcar uma reunião com a prefeitura para buscar uma solução para o atraso salarial.

 

Deixe seu comentário
Insira os caracteres conforme a imagem acima.