Mossoroense Frederico Rosado é o nome do PSB para comandar o Detran

16 Dez2018

Por Jbelmont às 19h45

 

Dois nomes de Mossoró já foram anunciados para a equipe da governadora eleita Fátima Bezerra: Crispiniano Neto para a Fundação José Augusto, e Alexandre de Oliveira Lima para a Secretaria de Desenvolvimento Rural e Agricultura Familiar (Sedraf), antiga Seara.

Porém, mais um mossoroense é tido como certo na equipe do futuro governo: o do ex-deputado Frederico Rosado.

Nome do PSB do deputado federal Rafael Motta que deverá ocupar a diretoria geral do Detran.

O Blog já havia adiantado que o Detran estaria na cota do PSB.

Por Thaisa Galvão 

Deixe seu comentário

João de Deus, acusado de abusos sexuais, se entrega à polícia em Goiás

16 Dez2018

Por Jbelmont às 19h25

 

Ele teve prisão preventiva decretada na sexta-feira (14) e era procurado pela polícia. Ele foi levado a delegacia em Goiânia. Mais de 300 mulheres denunciaram terem sido vítimas de abuso.
Por G1 GO e GloboNews

O médium João de Deus se entregou à polícia neste domingo (16), às 16h20, em uma estrada de terra em Abadiânia, na região central de Goiás. João de Deus é suspeito de abusos sexuais durante tratamentos espirituais e sua prisão foi determinada pela Justiça na tarde de sexta (14), a pedido do Ministério Público (MP-GO) e da Polícia Civil de Goiás.

Veja no vídeo acima imagens do momento em que ele se entrega à polícia. João de Deus foi levado para a Delegacia Estadual de Investigações Criminais (Deic) e chegou por volta das 18h.

Mais de 300 mulheres afirmam ter sido vítimas do religioso. A defesa nega. A prisão é preventiva – ou seja, sem prazo para terminar.

João de Deus chega a delegacia em Goiânia após se entregar à polícia neste domingo (16) — Foto: REUTERS/Metropoles/Igo Estrela

A Polícia Civil disse que João de Deus se apresentou espontaneamente ao delegado-geral, André Fernandes, e ao delegado titular da Deic. Ele estava acompanhado de advogados e ainda não existe decisão sobre o local onde ele ficará detido.

A polícia também informou que não foram usadas algemas na operação e que o médium vai dormir no Núcleo de Custódia, no Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia, nesta primeira noite.

"Na hora em que eu fiquei sabendo, eu me entrego à justiça divina e a Justiça da Terra, que eu prometi, e estou indo agora me entregar, porque eu fiquei sabendo pelo meu advogado que está aqui presente, o doutor Toron", disse João de Deus à jornalista Mônica Bergamo, do jornal "Folha de S. Paulo"
Ele deu a declaração quando questionado pela jornalista sobre o motivo de estar se entregando neste domingo, e não anteriormente. Logo depois, ele entrou em um carro junto com seu advogado para se entregar.

Advogado de João Deus afirma que médium não sacou R$35 mi


VEJA MAIS CLIQUE AQUI

Deixe seu comentário

Ação do DEM ameaça mandatos de 27 deputados federais eleitos

16 Dez2018

Por Jbelmont às 18h55

O DEM moveu uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) questionando as novas regras sobre a divisão de cadeiras remanescentes na Câmara dos Deputados.

O processo pode fazer com que 27 deputados federais eleitos percam a vaga para outros candidatos.

O Antagonista

Deixe seu comentário

Miss Universo 2018 será escolhida na Tailândia; veja fotos das candidatas

16 Dez2018

Por Jbelmont às 14h17

Amazonense Mayra Dias, de 27 anos, representa o Brasil na competição deste domingo (16) em Bangcoc.

A vencedora do Miss Universo 2018 será conhecida na noite deste domingo (16) pelo horário de Brasília, em Bangcoc, na Tailândia. A amazonense Mayra Dias, de 27 anos, tenta ganhar o concurso representando o Brasil. Veja as fotos de algumas das mais de 90 candidatas:

 

 

VER MAIS BELDADES CLIQUE AQUI COMO DIZIA UM SAUDOSO COLUNISTA SOCIAL

 

Deixe seu comentário

Benes Leocádio indica Ivan Júnior para Agricultura do Governo Fátima

16 Dez2018

Por Jbelmont às 13h44

O deputado federal eleito, Benes Leocádio (PTC), indicou o ex-prefeito de Assu, Ivan Júnior (PSD), para ser o Secretário de Agricultura do Governo Fátima Bezerra (PT).

Ivan foi o Secretário de Recursos Hídricos no Governo Robinson.

E disputou o mandato de deputado estadual na última eleição.

Deixe seu comentário

Terça-feira (18) decisiva para Beto e Mineiro

16 Dez2018

Por Jbelmont às 09h22

 

A próxima terça (18) será decisiva para o deputado federal Beto Rosado(PP) e o deputado estadual Fernando Mineiro. Se o TSE validar os votos deKerinho, Beto continua e Mineiro vai pedir assento no governo Fátima Bezerra. Caso a Corte Eleitoral indefira os votos do pedetista, Beto volta pra Mossoró e Mineiro assume a vaga. Se o Tribunal postergar mais uma vez, Mineiro será diplomado e assumirá o mandato subjúdice, até que o pleno decida.

 

Notas

Deixe seu comentário

‘Caern deve ser privatizada, mas é insuficiente diante do rombo no Estado’, diz Bira Rocha

16 Dez2018

Por Jbelmont às 09h07

O empresário Abelírio Rocha não ficou por longos período em cada um dos cargos públicos que ocupou. Mas acumulou experiência ao comandar a Secretaria Nacional de Irrigação e as Secretarias Estaduais de Agricultura e, depois, de Planejamento. Além disso, presidiu a Federação das Indústria do Rio Grande do Norte (Fiern). Coube a Bira Rocha, como é conhecido, conduzir uma ampla reforma administrativa no Estado, em 1995, no início do primeiro governo Garibaldi Filho. Na época, havia desequilíbrio financeiro e risco de colapso, diante do déficit nas contas públicas.

Foram apenas cinco meses no cargo de secretário de Planejamento. Mas um período suficiente para executar um ajuste que extinguiu empresas, mudou regimes tributários, cortou 40% dos cargos comissionados e definiu mecanismos rígidos de controle das despesas. A meta era chegar ao fim do primeiro semestre com o equilíbrio das contas. Um mês antes, o objetivo foi atingido.

Agora, com o Estado em uma situação ainda mais grave, ele considera que não há alternativa que não seja o novo governo, também nos primeiros meses, adotar medidas duras para diminuir despesas e aumentar receitas. Bira Rocha defende a privatização da Caern, mas reconhece que a venda da companhia a investidores privados não seria suficiente para o Estado voltar a pagar em dia os servidores e investir. “O Estado está com um buraco tão grande, que só a Caern privatizada não consegue tapar”, comentou.

A privatização da Caern seria uma das medidas para enfrentar a crise do Estado?

Em parte. O Estado está com um buraco tão grande, que só a Caern privatizada não consegue tapar. Quando a Cosern foi privatizada, os recursos não foram para tapar buraco. Foram para investir em algo que assegurou ao Rio Grande do Norte o que está aí com as adutoras. O Estado tem uma rede de adutoras muito grande. Na época, construiu estrategicamente obras de recursos hídricos. Assegurou a conclusão da Barragem Santa Cruz (no município de Apodi, região Oeste) e depois o Estado foi ressarcido.


Se não fossem essas obras, a seca teria consequências ainda mais graves. Também foi usado [recursos da privatização da Cosern] na reforma e ampliação do Aeroporto de Parnamirim. Poucos lembram mas não havia voos internacionais por falta de condições do aeroporto. O investimento feito melhorou essa infraestrutura. Hoje, se privatizar a Caern talvez não dê nem para o buraco da Previdência. A situação, então, está pior.

TRIBUNA DO NORTE

Deixe seu comentário

Justiça seja feita: Foi Henrique Alves que destinou recursos para o novo Centro de Convenções de Natal

16 Dez2018

Por Jbelmont às 09h02

O ministro do Turismo, Vinicius Lummertz em Natal para a solenidade de inauguração das obras de reforma e ampliação do Centro de Turismo de Natal.

O Ministério participou com R$ 30 milhões de reais.

DEVER DE JUSTIÇA

O editor do “blog” registra, que o mérito dessa conquista do turismo do RN é do ex-ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves.

Foi ele quem destinou os recursos para beneficiar o nosso Centro de Turismo.

Infelizmente, a ingratidão chamada de “câncer da alma” omite a verdade, que está por trás de inaugurações como essa das novas instalações do nosso Centro de Turismo.

Muitos discursos na festa de inauguração. Porém, omissão total ao nome do ex-ministro Henrique Alves.

Para que haja justiça é feito o registro!

Por Ney Lopes

Deixe seu comentário

Mega-Sena, concurso 2.107: ninguém acerta as seis dezenas e prêmio vai a R$ 48 milhões

15 Dez2018

Por Jbelmont às 23h46

 

Veja as dezenas sorteadas: 08 - 38 - 44 - 50 - 56 - 60. Quina teve 72 apostas ganhadoras; cada uma levará R$ 46.944,97.

Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 2.107 da Mega-Sena, realizado na noite deste sábado (15) em Criciúma (SC). O prêmio acumulou.

Veja as dezenas sorteadas: 08 - 38 - 44 - 50 - 56 - 60.

A quina teve 72 apostas ganhadoras; cada uma levará R$ 46.944,97. Outras 5.454 apostas acertaram a quadra; cada uma receberá R$ 885,33.

O próximo sorteio será terça-feira (18). O prêmio é estimado em R$ 48 milhões.

Veja QUINA: 


CONCURSO 4852 da QUINA ACUMULOU
CONCURSO 4852 DATA 15/12/2018
CONFIRA 19 20 43 51 67

PARA ESTA SEGUNDA O PRÊMIO PODE SER DE 3.000,000,00 MILHÕES

Deixe seu comentário

João de Deus retirou R$ 35 milhões de contas bancárias após primeiras denúncias, dizem investigadores

15 Dez2018

Por Jbelmont às 23h27

 

ABADIÂNIA —  Ainda sem conseguir localizar o paradeiro do médium João de Deus , investigadores identificaram movimentações recentes nas contas bancárias em nome dele. Segundo estes investigadores, na quarta-feira passada, dia 12, quando as primeiras denúncias de abuso sexual já eram conhecidas, foram retirados cerca de R$ 35 milhões de contas bancárias em nome de João de Deus. 

A descoberta destas operações fez com que a Polícia de Goiás e o Ministério Público do estado acelerassem o processo para pedir a prisão do médium. O dinheiro foi retirado de aplicações que João de Deus tem em instituições bancárias. Depois das denúncias, vizinhos relataram que ele não mais voltou à sua casa em Abadiânia .

A ordem de prisão contra o médium já está disponível em sistema do Conselho Nacional de Justiça. Assim, qualquer autoridade policial no país pode efetuar sua prisão, caso o localize em outro estado. Para o MP, João de Deus é oficialmente considerado foragido da Justiça . A Polícia Civil, que vem negociando a apresentação do médium, ainda evita usar esse termo.

O delegado geral da Polícia Civil do estado, André Fernandes, afirmou que a rendição do médium está confirmada. Acusado por centenas de mulheres de abusar sexualmente delas durante sessões espirituais na cidade de Abadiânia, o líder teve a prisão decretada nesta sexta-feira, mas não foi localizado até o momento pelas autoridades. A Polícia Civil e o MP do estado têm interpretações diferentes sobre o status do acusado, que nega os crimes atribuídos a ele.

O paradeiro do líder religioso é incerto. Sua última aparição em público foi na quarta-feira, na casa Dom Inácio de Loyola, em Abadiânia. Ele permaneceu no local por apenas oito minutos. Um advogado amigo de João de Deus disse que a defesa do médium teme pela integridade física dele na prisão. Em nota, na sexta-feira, o advogado Toron havia classificado a ordem de prisão como "inaceitável", já que a defesa não teria tido acesso, na ocasião, ao pedido de prisão do Ministério Público Estadual de Goiás nem ao teor do depoimento das vítimas.

Nesta manhã, enquanto o marido era alvo de buscas, a mulher de João de Deus, Ana Keyla Teixeira Lourenço, compareceu à festa de natal da Casa da Sopa, entidade mantida pelo centro religioso do marido, em Abadiânia. Ela discursou a moradores da comunidade sem fazer referência ao médium e deixou o local às pressas em seguida.

— Que os nossos lares continuem cheios de amor, de respeito, de carinho. Eu queria agradecer neste momento a todas as pessoas que aqui estão presentes. Muito obrigada — destacou Ana Keyla, ao microfone, cercada de seguidores do médium e da segurança pessoal da sua família.

Famoso pela realização de "cirurgias espirituais", João Teixeira de Farias, o médium João de Deus, já atendeu celebridades, políticos e altos funcionários públicos do Brasil e do mundo. Agora, no entanto, ele é alvo de uma série de acusações de abuso sexual. O caso veio à tona com a revelação, no último sábado (8), de relatos de mulheres que acusam o médium de se aproveitar da autoridade de líder espiritual para abusar sexualmente delas. As histórias foram contadas no programa "Conversa com Bial" e no jornal O GLOBO .

Pelo menos dez mulheres ouvidas pelo Ministério Público de São Paulo (MP-SP) afirmaram que um grupo de funcionários do médium era conivente com os abusos sexuais cometidos durantes as sessões espirituais em Abadiânia. De acordo com os relatos, os abusos ocorriam em uma sala reservada apenas em momentos de atendimento individualizado. Se havia uma terceira pessoa no local, ela era orientada a ficar com os olhos fechados ou mesmo vendados.

Ao menos quatro funcionários que não ficavam nesta sala, mas eram próximos ao médium e suspeitos de saberem do que ocorria, já foram identificados pelo MP de São Paulo. Os nomes não foram divulgados.

Deixe seu comentário

Mais um potiguar no Governo Bolsonaro: Antônio Jácome

15 Dez2018

Por Jbelmont às 23h23

 

O RN não ficará representado somente pelo deputado federal Rogério Marinho (PSDB) no Governo de Bolsonaro (PSL).

Também deputado federal, Antônio Jácome terá função prestigiada no Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos.

Será o Secretário-Executivo.

Jácome é amigo pessoal da futura ministra Damares Alves.

Deixe seu comentário

Parabéns seu Nascimento!

15 Dez2018

Por Jbelmont às 08h53


SEU NASCIMENTO O HOMEM DO BEM

 O blog parabeniza hoje este homem que é acima de tudo um exemplo de vida. Seu Nascimento é José Simião do Nascimento, nascido em 15 de dezembro de 1933 no pé da serra de Martins, e lá se vão 85 anos de história.
 

Criança ainda, com apenas oito anos de idade veio com os seus pais morar em Mossoró. Estudava e ajudava o seu pai, até que ingressou na Rede Ferroviária do Nordeste onde trabalhou 35 anos.

No início dos anos 60, seu Nascimento fundou a Ótica Casa Nascimento que é hoje uma tradição no comércio de joias de Mossoró e região.

O blog faz hoje esta justa homenagem a este homem que venceu na vida com muito trabalho, esforço, sacrifício e honestidade. Parabéns seu Nascimento, amigo, parceiro, um homem do bem um homem de DEUS.


SUA EQUIPE DE TRABALHO NA ÓTICA NASCIMENTO COM 68 ANOS DE TRADIÇÃO

FRANCIMAR O RELOJOEIRO EXCLUSIVO DA ÓTICA, COMPETÊNCIA ACIMA DE TUDO

Deixe seu comentário

ELEMENTO MORRE EM CONFRONTO COM A POLÍCIA EM MOSSORÓ-RN

15 Dez2018

Por Jbelmont às 08h21


Mossoró contabiliza 232 mortes violentadas neste ano de 2018.

 

Dois indivíduos numa motocicleta tipo Honda Bros de cor vermelha, de placa QGH 3480, trocaram tiros com a Polícia Militar na madrugada deste sábado, 15 de Dezembro de 2018, no Conjunto Estrada da Raiz, na região do bairro Santo Antônio em Mossoró.

Durante o confronto, um dos criminosos identificado como Carlos Eduardo Felipe da Silva, de 38 anos de idade,acabou sendo baleado e foi socorrido pelos policiais para o Hospital Regional Tarcísio Maia, mas ele ainda não e morreu na unidade hospitalar.

O segundo suspeito que conduzia a motocicleta, por nome de Alex Terbio Duarte da Silva,ainda tentou fugir, mais ele acabou sendo preso após cair da moto. Com a dupla os policiais apreenderam uma arma de fogo.

Alex Terbio ficou com várias escoriações pelo corpo devido à queda e precisou ser levado para o HRTM, e depois será conduzido para à Delegacia de Plantão para os procedimentos cabíveis.

A cidade de Mossoró passa a contabilizar a contabilizar 232 mortes violentadas neste ano de 2018.

 

Passsando na Hora

Deixe seu comentário

Caso não se entregue até as 14h deste sábado, João de Deus será considerado foragido

15 Dez2018

Por Jbelmont às 08h17

 

ABADIÂNIA (GO) — Caso João de Deus não se entregue até às 14 horas deste sábado, a Polícia Civil de Goiás passará a considerá-lo foragido da Justiça. A informação foi dada ao GLOBO às 21h40m desta sexta-feira pelo delegado geral da Polícia Civil de Goiás, André Fernandes.

— A partir das 14 horas de amanhã (sábado), caso ele não se entregue, vamos considerar que está havendo uma manobra da defesa. Continuamos atrás dele, inclusive com troca de turno de policias durante a madrugada.


Mais de 20 endereços ligados a João de Deus já foram alvo de buscas da Polícia Civil em Abadiânia, onde fica o centro espiritual comandado pelo médium, e em outras localidades no interior do estado. A prisão de João de Deus foi decretada pela Justiça na manhã desta sexta-feira.


O Ministério Público colheu mais de 300 denúncias de abuso sexual contra o médium desde que os primeiros relatos vieram à tona, na semana passada. As primeiras denúncias foram reveladas pelo GLOBO e pelo programa "Conversa com Bial", da TV Globo.

Deixe seu comentário

Lava Jato Lula vira réu por lavagem de R$ 1 milhão em negócio na Guiné Equatorial

15 Dez2018

Por Jbelmont às 08h13

 

Operação de São Paulo aponta que pagamento teria sido feito depois que o ex-presidente, 'usufruindo de seu prestígio internacional, influiu em decisões do presidente Teodoro Obiang'

Redação

A Justiça Federal em São Paulo colocou nesta sexta-feira, 14, o ex-presidente Lula no banco dos réus por lavagem de R$ 1 milhão em negócio na Guiné Equatorial, envolvendo o grupo brasileiro ARG. Na denúncia, a força-tarefa da Operação Lava Jato, do Ministério Público Federal, em São Paulo, aponta que os valores foram dissimulados na forma de doação ao Instituto Lula.

As informações foram divulgadas pelo Ministério Público Federal em São Paulo nesta sexta-feira, 14. A acusação é subscrita por 11 procuradores da República.

Lula está preso desde 7 de abril deste ano em Curitiba. O petista já foi condenado a 12 anos e um mês de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso triplex do Guarujá. O ex-presidente responde ainda a outras duas ações penais perante a Justiça Federal do Paraná. Uma sobre supostas propinas da Odebrecht – um terreno que abrigaria o Instituto Lula e um apartamento vizinho ao imóvel do petista em São Bernardo do Campo – e outra sobre reformas no sítio de Atibaia.

Segundo a Lava Jato, o pagamento teria sido feito depois que o ex-presidente, ‘usufruindo de seu prestígio internacional, influiu em decisões do presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Obiang, as quais resultaram na ampliação dos negócios da empresa no país africano’.

Além de Lula, também responderá ao processo o controlador do grupo ARG, Rodolfo Giannetti Geo, que foi denunciado por lavagem de dinheiro e por tráfico de influência em transação comercial internacional. Os fatos ocorreram entre setembro de 2011 e junho de 2012. Como Lula tem mais de 70 anos, o crime de tráfico de influência prescreveu em relação a ele, mas não para o empresário.

De acordo com as investigações, a transação teve início entre setembro e outubro de 2011. Na ocasião, relata a Lava Jato, Rodolfo Geo procurou Lula e solicitou ao ex-presidente que buscasse o auxílio do mandatário da Guiné Equatorial para que o governo africano continuasse realizando transações comerciais com o Grupo ARG, especialmente na construção de rodovias. As provas do crime foram encontradas nos e-mails do Instituto Lula, apreendidos em busca e apreensão realizada na entidade em março de 2016 durante a Operação Aletheia, 24ª fase da Operação Lava Jato de Curitiba.

As provas da Lava Jato São Paulo contra Lula
Em e-mail de 5 de outubro de 2011, o ex-ministro do Desenvolvimento do governo Lula Miguel Jorge comunicou à Clara Ant, diretora do Instituto Lula, que o ex-presidente havia dito a ele que gostaria de falar com Geo sobre o trabalho da ARG na Guiné Equatorial. Segundo o ex-ministro informava no e-mail, a empresa estava disposta a fazer uma contribuição financeira “bastante importante” ao Instituto Lula.

Em maio de 2012, em consequência desses contatos, Geo encaminhou para Clara Ant, por e-mail, uma carta digitalizada de Teodoro Obiang para Lula e pediu que fosse agendada uma data para encontrar o ex-presidente e lhe entregar a original. Ele também informava à diretora do instituto que voltaria à Guiné Equatorial em 20 de maio e que gostaria de levar a resposta de Lula a Obiang.

O ex-presidente escreveu uma carta ao africano, datada de 21 de maio de 2012, em que mencionava um telefonema entre ambos e sua crença no fato de que a Guiné Equatorial poderia ingressar, futuramente, na Comunidade dos Países de Língua Portuguesa. No mesmo documento, Lula informava que Rodolfo Geo dirige a ARG, “empresa que já desde 2007 se familiarizou com a Guiné Equatorial, destacando-se na construção de estradas”. A carta assinada pelo ex-presidente foi entregue em mãos a Obiang pelo empresário.

E-mails e dados
Na análise dos dados apreendidos no Instituto Lula, foi localizado registro da transferência bancária de R$ 1 milhão da ARG à entidade em 18 de junho de 2012. Recibo emitido pela instituição na mesma data e também apreendido registra a “doação” do valor.

Para o Ministério Público Federal, não se trata de doação, mas de pagamento de vantagem a Lula em virtude de o ex-presidente do Brasil ter influenciado o presidente de outro país no exercício de sua função. Como a doação feita pela ARG seria um pagamento, o registro do valor como uma doação é ideologicamente falso.

“Trata-se apenas de uma dissimulação da origem do dinheiro ilícito, e, portanto, configura crime de lavagem de dinheiro”, informa a nota da Procuradoria da República.

O caso envolvendo o Instituto Lula foi remetido à Justiça Federal de São Paulo por ordem do então titular da Operação Lava Jato, Sergio Moro. A denúncia foi recebida pela juíza federal Michele Camini Mickelberg, titular da 2ª Vara Federal de São Paulo, especializada em crimes financeiros e lavagem de dinheiro.

Esta é a quarta ação penal instaurada pela Justiça decorrente de denúncias apresentadas pela Força Tarefa da Lava Jato em São Paulo. O número da ação penal é 0006803-31.2018.403.61.81.

Deixe seu comentário

Polícia afirma ter percorrido mais de 20 endereços em busca do médium João de Deus, mas não consegue prendê-lo

14 Dez2018

Por Jbelmont às 22h01


O médium João de Deus, acusado por mulheres de abuso sexual — Foto: Reprodução/TV Globo

 

Ele não é considerado foragido e existe a expectativa de que ele se apresente à corporação. Defesa nega envolvimento dele nos crimes.

Polícia percorre mais de 20 endereços em busca de João de Deus, mas não consegue prendê-lo


O delegado-geral da Polícia Civil, André Fernandes, informou à TV Anhanguera que Polícia Civil percorreu mais de 20 endereços em busca do médium João de Deus nesta sexta-feira (14) após a Justiça decretar a prisão preventiva dele por suspeita de abusos sexuais contra mulheres. Porém, ele não foi localizado pela corporação. A defesa segue negando envolvimento do líder religioso nos crimes e informou que vai entrar com um pedido de habeas corpus.

As equipes voltaram para a Delegacia Estadual de Investigações Criminal (Deic) por volta de 19h30 e disseram à TV Anhanguera que percorreram diversos locais na capital e em cidades do interior, mas não encontraram o médium. Apesar disso, ele não é considerado foragido e existe a expectativa que o líder religioso se entregue.

À TV Anhanguera, o delegado-geral informou que o médium tem que se entregar até às 12h de sábado (15) para que não seja considerado foragido.

“A polícia não tem conhecimento do seu paradeiro, estamos trabalhando no sentido de tentar localiza-lo”, disse o delegado-geral da Polícia Civil, André Fernandes, durante o trabalho de buscas ao médium.

Segundo a corporação, equipes vão retomar o trabalho de procurar em outros endereços no sábado (15).

O advogado de defesa, Alberto Toron, disse que teve acesso à decisão de prisão apenas no início da noite e que vai pedir um habeas corpus. “A impetração do habeas corpus não exclui a apresentação espontânea do senhor João de Deus”, disse.

Além disso, disse apenas alguns depoimentos de poucas vítimas acompanham o pedido de prisão preventiva. Além disso, não há o nome das mulheres que denunciaram os casos.

A força-tarefa do Ministério Público divulgou que já recebeu 335 mensagens e contatos por telefones de mulheres que denunciam o médium por abuso sexual. Os relatos chegaram de pessoas de seis países diferentes, além de 13 estados do Brasil e o Distrito Federal.

O médium João de Deus, acusado por mulheres de abuso sexual — Foto: Reprodução/TV Globo

Última visita à Casa
Na manhã de quarta-feira, João de Deus compareceu à Casa Dom Inácio de Loyola, onde realiza os trabalhos espirituais, pela primeira vez desde que as denúncias vieram à tona. Durante os poucos minutos que ficou no local, ele disse que era inocente e que confiava na Justiça de Deus e dos homens.

“Meus queridos irmãos e minhas queridas irmãs, agradeço a Deus por estar aqui. Ainda sou irmão de Deus, mas quero cumprir a lei brasileira porque estou na mão da lei brasileira. João de Deus ainda está vivo. A paz de Deus esteja convosco”, diz João de Deus.

A assessora de imprensa do religioso, Edna Gomes, afirmou, após as declarações, que o médium era inocente, mas que as denúncias eram graves e deveriam ser apuradas.

Denúncias
O jornal "O Globo", a TV Globo e o G1 têm publicado nos últimos dias relatos de dezenas de mulheres que se sentiram abusadas sexualmente pelo médium. Não se trata de questionar os métodos de cura de João de Deus ou a fé de milhares de pessoas que o procuram.

O MP-GO e Polícia Civil investigam, de forma independente, a suspeita de crimes sexuais desde segunda-feira (10), depois que o programa Conversa com Bial divulgou o relato de 10 mulheres que disseram ter sido abusadas sexualmente pelo médium.

A polícia informou que, até quinta-feira (14), recebeu 14 denúncias formais contra João de Deus, sendo que 13 mulheres já foram ouvidas. Já o MP-GO contabiliza o contato de mais de 300 pessoas.

Veja outras notícias do estado no G1 Goiás.

Deixe seu comentário

Fátima anuncia mossoroenses para FJA e Sedraf

14 Dez2018

Por Jbelmont às 21h43

 

A governadora eleita do RN, senadora Fátima Bezerra, anunciou nesta sexta-feira (14) os nomes de Crispiniano Neto e de Alexandre Lima, respectivamente para a Fundação José Augusto (FJA) e Secretaria de Desenvolvimento Rural e Agricultura Familiar (SEDRAF), antiga Seara.

Crispiniano Neto afirmou que a ideia é reatar e ampliar parcerias e gerenciar recursos disponíveis com criatividade e zelo. “O RN tem agora uma governadora com uma vida inteira dedicada à cultura. Nossos artistas e arte agora serão uma prioridade”, destacou o cordelista.

No âmbito da Sedraf, Alexandre Lima assinalou que a ideia é contribuir com o governo na construção de políticas públicas voltadas ao fortalecimento da Agricultura Familiar, sempre levando em consideração as propostas do programa de governo. “Também reafirmo o respeito e diálogo com os movimentos sociais que serão parceiros estratégicos da SEDRAF. A minha indicação também reafirma o papel estratégico que a Uern terá no novo Governo”, disse ele, que é professor da Universidade do Estado do RN.

Perfis

Crispiniano Neto

Formado em Engenharia Agrônoma e em Direito, Crispiniano Neto assumirá pela quarta vez a diretoria-geral da Fundação José Augusto. Ele é membro da Academia Brasileira de Literatura e Cordel – cadeira de Câmara Cascudo – e do Instituto Histórico do RN. É autor de 22 livros, dos quais 200 mil exemplares foram vendidos e adotados em mais de 500 escolas.

Alexandre Lima

Alexandre de Oliveira Lima é Engenheiro agrônomo e Prof. Adjunto do Curso de Gestão Ambiental da UERN. Possui mais de 20 anos de experiência com em planejamento e execução de projetos de Desenvolvimento Rural, ligados à agricultura familiar.

Deixe seu comentário

Bell Marques, Gabriel Diniz e Bloco do Magão são atrações da 1ª noite de Carnatal; confira programação

14 Dez2018

Por Jbelmont às 13h20

Micareta começa nesta quinta (13) e vai até o domingo (16) no entorno da Arena das Dunas, na Zona Sul de Natal. 


Carnatal acontece no entorno da Arena das Dunas — Foto: Canindé Soares


Tudo pronto para a 28ª edição do Carnatal – um dos maiores carnavais fora de época do país. A micareta começa nesta quinta (13) e vai até o domingo (16) no entorno da Arena das Dunas, na Zona Sul de Natal, e deve receber milhares de foliões. Confira abaixo a programação completa:

Nesta quinta (13) e na sexta (14), ruas e avenidas no entorno da Arena das Dunas terão interdições. No sábado (15) e no domingo (16), as interdições começam às 15h. Confira AQUI as rotas alternativas.

Quinta-feira (13/12)
17h: abertura dos portões
18h: Palco Uber (na concentração)
18h30: Siim O Bloco do GD - Gabriel Diniz
19h: Burro Elétrico - Bloco do Magão
19h30: Vumbora - Bell Marques / Vumbora 3ª volta - Rafa e Pipo Marques
Camarote Skol Beats - Léo Santana e Jetlag
Estação Skol - Pedro Lucas


Sexta-feira (14/12)
17h: abertura dos portões
18h: Palco Uber (na concentração)
18h30: Me Abraça - Durval Lelys
19h: Ôbaiuno - Saulo
19h30: Vem com o Gigante - Léo Santana
21h30: Vumbora - Bell Marques
Camarote Skol Beats - Wesley Safadão e Ralk
Estação Skol - Fitdance


Sábado (15/12)
17h: abertura dos portões
18h: Palco Uber (na concentração)
18h30: Vumbora - Bell Marques
19h: Me Abraça - Durval Lelys
19h30: Bicho - Ricardo Chaves
21h30: Largadinho - Claudia Leitte
Camarote Skol Beats - Xand Avião, Rafa e Pipo Marques e Make U Sweat
Estação Skol - Jammil


Domingo (16/12)
17h: abertura dos portões
12h: Vumbora Day - Rafa e Pipo Marques (como uma das grandes novidades do Carnatal 28, o projeto 'Vumbora Day' será no domingo de Carnatal, começando na área de hospitalidade do Arena das Dunas e encerrando no bloco Vumbora. Os foliões que adquirirem o abadá para o Vumbora Day terão acesso a uma feijoada exclusiva, a partir das 12h com banda e DJs locais e uma super festa. Após o evento, os foliões terão acesso exclusivo ao bloco Vumbora comandado neste dia pela dupla Rafa e Pipo Marques).


17h: Palco Uber (na concentração)
17h30: Coruja - Ivete Sangalo
18h30: PSI - Psirico
19h30: Bicho - Ricardo Chaves
Camarote Skol Beats - Bell Marques e Liu
Estação Skol - Atração surpresa

 
Deixe seu comentário

Polícia prende em Natal suspeito de participar de assassinato de prefeito de cidade do Rio de Janeiro

14 Dez2018

Por Jbelmont às 13h12

Agentes da Força Nacional prenderam em Natal, nesta quinta-feira (13), um homem suspeito de ter participado do assalto que resultou na morte do prefeito de Rio Claro, no Rio de Janeiro, em 2015. O suspeito tem 30 anos, estava escondido na capital potiguar e trabalhava como vendedor na Praia de Ponta Negra, na Zona Sul, ponto turístico mais frequentado da cidade.

Raul Fonseca Machado era prefeito de Rio Claro quando foi vítima de um latrocínio em 20 de dezembro de 2015, no sítio onde morava com a esposa. De acordo com a Polícia Militar, homens armados e encapuzados entraram na propriedade e renderam o casal. Dr. Raul, como era conhecido, foi baleado em uma troca de tiros com os criminosos. O corpo dele foi encontrado em um dos quartos. A esposa do prefeito não se feriu.

 


O prefeito de Rio Claro, RJ, Raul Fonseca Machado foi morto em 2015 — Foto: Divulgação/Prefeitura

Os bandidos fugiram levando dois carros que pertenciam a Raul Machado. Os automóveis foram encontrados incendiados às margens da Via Dutra, próximo ao bairro Jaqueira, em Piraí, na madrugada do dia seguinte.

Três homens suspeitos de envolvimento no crime já estão presos no Rio de Janeiro. A Força Nacional investigava o paradeiro deste outro suspeito, foragido em Natal, havia alguns meses e montou uma operação nesta quinta (13) para prendê-lo.

Deixe seu comentário

PGR denuncia Agripino Maia ao STF por suposta contratação de funcionário 'fantasma'

14 Dez2018

Por Jbelmont às 13h10

Segundo Raquel Dodge, senador manteve por sete anos em seu gabinete um funcionário que não prestava serviços e salário era repassado a outra pessoa. G1 tenta contato com senador. Veja mais abaixo.Nesta página

Deixe seu comentário

Justiça decreta prisão de João de Deus após denúncias de abusos sexuais em Abadiânia

14 Dez2018

Por Jbelmont às 12h58

MP-GO recebeu mais de 300 denúncias de mulheres que afirmam terem sido vítimas do religioso durante tratamentos espirituais. Ele nega os crimes.

 


Justiça determina prisão de João de Deus — Foto: Fantástico




A Justiça de Goiás determinou, nesta sexta-feira (14), a prisão preventiva de João de Deus, suspeito de praticar abusos sexuais durante tratamentos espirituais, em Abadiânia, cidade goiana do Entorno do Distrito Federal. A informação foi confirmada à TV Anhanguera pelo secretário de Segurança Pública de Goiás, Irapuan Costa Júnior.

Um dos advogados que compõem a defesa de João de Deus, Thales Jayme disse que foi informado sobre o mandado de prisão, mas não tinha recebido o documento até as 12h30. Ele declarou também que não conseguiu falar com médium nesta manhã.

“Foi dito hoje, por uma fonte fidedigna, que a prisão havia sido decretada, estava de posse do mandado de prisão e com alguns policiais trabalhando, que eu visse a possibilidade de se apresentar, como seria, uma situação menos dolorosa, estou indo a Anápolis para ver se consigo falar com alguém”, disse o advogado.

Por sua vez, o advogado Hélio Braga, que também integra a defesa do médium, ressaltou que o cliente é inocente. "Nós enquanto defesa, continuamos contestando com veemência todas as acusações. Não acreditávamos na decisão nesse sentido, perante a total falta de provas”, declarou.

Na quarta-feira, o Ministério Público Estadual de Goiás (MP-GO) protocolou um pedido de prisão na promotoria de Abadiânia. No entanto, não se sabe se este é o pedido que originou a decisão.

Última visita à Casa
Na manhã de quarta-feira, João de Deus compareceu à Casa Dom Inácio de Loyola, onde realiza os trabalhos espirituais, pela primeira vez desde que as denúncias vieram à tona. Durante os poucos minutos que ficou no local, ele disse que era inocente e que confiava na Justiça de Deus e dos homens.

“Meus queridos irmãos e minhas queridas irmãs, agradeço a Deus por estar aqui. Ainda sou irmão de Deus, mas quero cumprir a lei brasileira porque estou na mão da lei brasileira. João de Deus ainda está vivo. A paz de Deus esteja convosco”, diz João de Deus.

A assessora de imprensa do religioso, Edna Gomes, afirmou, após as declarações, que o médium era inocente, mas que as denúncias eram graves e deveriam ser apuradas.

Denúncias
O jornal "O Globo", a TV Globo e o G1 têm publicado nos últimos dias relatos de dezenas de mulheres que se sentiram abusadas sexualmente pelo médium. Não se trata de questionar os métodos de cura de João de Deus ou a fé de milhares de pessoas que o procuram.

O MP-GO e Polícia Civil investigam, de forma independente, a suspeita de crimes sexuais desde segunda-feira (10), depois que o programa Conversa com Bial divulgou o relato de 10 mulheres que disseram ter sido abusadas sexualmente pelo médium.

A polícia informou que, até quinta-feira (14), recebeu 14 denúncias formais contra João de Deus, sendo que 13 mulheres já foram ouvidas. Já o MP-GO contabiliza o contato de mais de 300 pessoas.


Crimes teriam acontecido na Casa Dom Inácio de Loyola, em Abadiânia, Goiás — Foto: Murillo Velasco/ G1

Veja outras notícias do estado no G1 Goiás

Deixe seu comentário

PM's DO RN AMEAÇAM NÃO SAIR PARA AS RUAS NESTE FIM DE ANO

13 Dez2018

Por Jbelmont às 22h55

Com a negativa pelo TJRN de liberação dos recursos para pagamento dos servidores do Estado, sindicatos e associações dos agentes ameaçam repetir a paralisação deflagrada em dezembro do ano passado

Com a negativa dada pelo Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN) sobre a liberação de recursos de royalties para o pagamento dos servidores do Estado, agentes de segurança convocaram uma assembléia geral entre as categorias marcada para a manhã desta sexta-feira (14). O objetivo é discutir qual posição irão tomar na tentativa de pressionar a administração do estado, umas das possibilidades é repetir a paralisação iniciada em 19 de dezembro do ano passado.

A Associação dos Cabos e Soldados da PM/RN (ACS) se pronunciou ainda na quarta-feira (12), logo após a negação do TJRN, através de redes sociais, chamando a prerrogativa como uma “desvalorização do profissional e com a população”. De acordo com o presidente, Roberto Campos, a “tropa já tem falado sobre paralisação”, mas nada foi definido ainda. Eles irão se reunir na sexta-feira para definir quais serão os próximos passos.

Além dos salários atrasados, há quatro anos existe um congelamento na remuneração dos profissionais. Para os representantes da ACS, existe esperança que a próxima gestão “tenha a sensibilidade” e consiga colocar as folhas em dia. Além do desgaste dos policiais em trabalharem com operações que demandam um alto nível de estresse, a preocupação com a situação financeira agrava a situação.

Já o Sindicato de Policiais Civis (Sinpol) alegou que a negativa não foi uma surpresa, visto que o adiantamento às vésperas de um novo gestor assumir não é muito indicado para os cofres do Estado. Por enquanto, o sindicato diz que não fará nenhuma mobilização, mas que também irá fazer uma reunião.

Em nota, a Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais e Bombeiros Militares do RN (ASSPMBMRN), também se posicionou. “A ASSPMBMRN se une ao sentimento de revolta instalado hoje nos militares estaduais, bem como os demais servidores públicos. Em resposta a isto, nesta sexta-feira (14) nos reuniremos com todos os presidentes das entidades que representam os servidores da Segurança Pública para discutir qual a atitude que iremos tomar. Infelizmente não está descartado acontecer o mesmo que aconteceu no final de 2017”.

Por meio de nota, o Governo do RN afirmou que vê com preocupação a negativa do TJ para uma operação inclusive já realizada por gestões anteriores, a fim de viabilizar pagamento de parte do décimo-terceiro. Mas garantiu que segue em suas demais tratativas para a solução do problema.

A paralisação que durou 23 dias
No ano passado, os agentes de segurança paralisaram as atividades durante 23 dias. Ao longo da greve, a violência aumentou no estado e principalmente em Natal. Por isso, a Força Nacional foi acionada e 100 homens foram enviados ao RN para tentar controlar a situação nas ruas.

Além disso, o governo federal enviou 2,8 mil homens das Forças Armadas, no dia 30 de dezembro, para reforçaram o patrulhamento. A permanência das Forças Armadas no RN seguiu até o dia 12 de janeiro deste ano.

13º salário atrasado desde 2017
O governo do RN não tem hoje recursos para quitar o 13º salário de seus servidores, que estão atrasados desde 2017. A gestão dependia de uma decisão judicial para poder pagar o restante do 13º de 2017, que foi negada pelo TJ.

Da mesma maneira que não há recursos para esses quitar os dois décimos, também não há – hoje – dinheiro para quitar o salário de dezembro. Tatiana Mendes Cunha, chefe da Casa Civil, explicou que agora será concluída a folha de outubro e que semana que vem começará a ser feito o pagamento de novembro.

ASSPMBMRN 

Deixe seu comentário

PGR denuncia senador José Agripino Maia por peculato e associação criminosa

13 Dez2018

Por Jbelmont às 22h45

 

Redação

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, apresentou ao Supremo Tribunal Federal (STF) denúncia contra o senador José Agripino Maia ( DEM/RN) e outras duas pessoas por associação criminosa e peculato. O parlamentar é acusado de nomear e manter durante sete anos um funcionário fantasma ligado ao seus gabinete.

As investigações revelaram que Victor Neves Wanderley repassava a remuneração recebida do Senado a Raimundo Alves Maia Júnior, que era a pessoa que efetivamente prestava serviços ao senador. Como era servidor da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, Raimundo não poderia assumir função no Senado.

A forma encontrada pelo parlamentar para remunerá-lo foi a nomeação fictícia. A PGR destaca que, ao longo de 84 meses foram desviados da União quase R$ 600 mil. Além de pedir o ressarcimento desse valor com correção e juros, a PGR requereu indenização por danos morais coletivos em valor equivalente ao dobro do desviado, e a perda da função pública.

Na denúncia, a procuradora-geral destaca que o senador mantém vínculo de amizade antigo com Raimundo Maia. Entre 2012 e 2014, foram identificadas 905 ligações telefônicas entre os dois. A informação é resultado de quebra de sigilo telefônico autorizada pelo STF.

No mesmo período, não foi identificado nenhum contato entre o senador Agripino Maia e Victor Neves Wanderley, que ocupada formalmente o cargo de secretário parlamentar. Outro fato mencionado é que Victor Neves Wanderley foi lotado inicialmente no Gabinete da Liderança dos Democratas e, logo no mês seguinte, ele transferiu a remuneração recebida a Raimundo Alves Maia Junior. “Esse foi o primeiro ato de peculato da série de 84 crimes”, reforça Raquel Dodge.

As investigações também revelaram que o funcionário fantasma era, na verdade, gerente de uma farmácia localizada em Natal e que ele nunca esteve em Brasília, onde fica o gabinete do senador. Como prova, a PGR destaca que as companhia áreas questionadas durante a apuração não encontraram registros de viagens em nome de Victor.

Raquel Dodge enfatiza ainda que o endereço apresentado por Victor em outra ação penal – a qual responde e que tramita no Rio Grande do Norte – é em Natal e não na capital federal. A análise da frequência nas folhas de ponto de Victor no Senado revelou simulação no preenchimento, o que reforçou para os investigadores a certeza que ele não cumpriu expediente de 40 horas semanais na Casa Legislativa.

Na ação penal, a PGR ressalta a informação de que Victor confessou ter recebido durante três anos remuneração estadual mensal de mais de R$ 2 mil sem nunca ter trabalhado na Assembleia Legislativa. “A prática de peculato sob a forma de nomeação de funcionário fantasma lesou o patrimônio público e a moralidade administrativa, tanto em relação à União quanto em relação ao Estado do Rio Grande do Norte”, conclui Raquel Dodge.

Cota denúncia

Além da denúncia, Raquel Dodge enviou ao STF pedido para que seja instaurado novo inquérito para apurar outras práticas criminosas atribuídas aos investigados. Com base em dados do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), a procuradora- geral cita o suposto crime de lavagem de dinheiro cometido por Agripino Maia, Raimundo Alves Maia Junior e Victor Neves. Segundo os dados, de dezembro de 2011 a novembro de 2014, o senador teria movimentado valores atípicos, inclusive, por meio depósitos feitos por um motorista do Senado. “São, portanto, transferências ainda não explicadas e que merecem apuração sob o enfoque da lavagem de dinheiro”, ressalta a PGR.

Também é mencionada a necessidade de aprofundamento investigativo em relação à prestação de contas junto ao Senado Federal, feita pelo escritório de apoio do senador em Natal (RN), sua base eleitoral. A PGR cita relatório da Polícia Judiciária, que enumera inconsistências em documentos de comprovação de despesas. Foram apresentadas notas fiscais de empresa de Brasília para comprovar despesas de vigilância em Natal (RN). A empresa não é cadastrada na Polícia Federal, conforme exigência legal. “Diante desse contexto, requeiro a instauração de um novo inquérito, a ser instruído com cópia integral do atual, sob relatoria preventa (conexão) de Vossa Excelência, para investigar os três contextos fáticos ora indicados”.

A PGR solicitou ainda o envio de cópia dos autos para a primeira instância da Justiça Federal e Estadual do Rio Grande do Norte para que sejam apuradas práticas criminosas cuja competência não cabe ao Supremo Tribunal Federal. É o caso de falso testemunho, que teria sido prestado por um parente de Victor Neves e de peculato pelo recebimento – por parte de Victor – de salário da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, sem trabalhar.

Deixe seu comentário

XUXA DESABAFA SOBRE JOÃO DE DEUS: "ME ENGANEI, ESTOU ENVERGONHADA"

13 Dez2018

Por Jbelmont às 21h47

 

 

Xuxa se pronunciou sobre as acusações de abuso sexual contra o médium João de Deus. "Eu o conheci, fui lá fazer uma gravação que não foi ao ar. Tive um carinho muito especial por ele, gostei daquela pessoa que eu conheci. Infelizmente, me enganei, me enganei feio", desabafou a apresentadora.

330 mulheres já procuraram a justiça para denunciar assédios que sofreram ao se consultar com João de Deus em Abadiânia, Goiás. As primeiras revelações vieram à público no Conversa com Bial e, de lá pra cá, outras celebridades também já se posicionaram, até mesmo a magnata americana Oprah Winfrey que apagou o vídeo de uma entrevista que tinha feito com o médium de seu canal no Youtube.

"Estou vindo aqui pedir desculpas porque eu divulguei o documentário dele, falei que era alguém legal. Me sinto na obrigação de dizer isso porque eu estou até envergonhada com tudo", disse Xuxa.

A apresentadora ainda demonstrou apoio a todas as vítimas do médium. "Queria que vocês entendessem que essas pessoas não falaram no passado por vergonha, por medo, porque queriam esquecer isso. Quero dizer pra todas vocês mulheres que estou com vocês. Sinto muito. Se tiver mais mulheres, denunciem, porque pessoas como essa tem que pagar por isso", concluiu.

 

QUEM

Deixe seu comentário

Procissão de Santa Luzia tem roteiro a partir do Nova Betânia

13 Dez2018

Por Jbelmont às 08h28

 

Itinerário da Procissão

Saída da sede do Movimento de Cursilho de Cristandade (MCC), ao lado da Matriz de São Paulo, na Rua Francisco Fernandes de Souza, no Bairro da Nova Betânia.

Segue em direção à Avenida Antônio Vieira de Sá, na sequência vai para a Rua Felipe Camarão (sentido centro) e desce até a Avenida Rio Branco.

De lá, vai para a Avenida Augusto Severo, Avenida Santos Dumont e finalmente chega à Rua Idalino de Oliveira, de onde segue até a Catedral de Santa Luzia.

Novidades

No caminho da procissão de Santa Luzia vão acontecer algumas apresentações em pontos fixos: Bela Casa – Escola de Música da UERN – Coral Josafá da Costa (coordenação: Prof. Agamedes Rodrigues); Hospital Tarcisio Maia – Coral Canto e Saúde; Cajaranas Bar – Escola de Música da UERN – Grupo Teclas (coordenação: Prof. Alan Rommel); Distribuidora Dismed – Escola de Música da UERN – Grupo VP (coordenação: Prof. Gideão Lima); Tutti Belle – Coral Vokalis Natalino; Matriz de São João Batista – Coral da Igreja São João Batista; Instituto Alvorada – Coral Instituto Alvorada; Praça da Convivência – Banda Artur Paraguai; Praça do Sebrae - Coral Santa Luzia (Colégio Diocesano Santa Luzia); La Goccia Blu – Escola de Música da UERN – Grupo Pianíssimo (coordenação: Prof. Joab Willamys) e participação Classe de Pianos Grossense do Projeto Realizando Sonhos; Colégio Sagrado Coração de Maria – Coral Louvor dos Pequeninos.

O encerramento da festa contará com Bênção do Santíssimo, sorteio de prêmios e um show da dupla Ítalo e Renno, no adro da Catedral.

Deixe seu comentário