.

RN soma 33.910 infectados por Covid-19 e 1.200 mortes por causa da infecção

04 Jul2020

Por Jbelmont às 13h25

 

Estado tem 171 óbitos em investigação e 45.614 casos suspeitos

número de mortos por Covid-19 no Rio Grande do Norte chegou a 1.200, de acordo com a atualização deste sábado (4), da Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap). Ainda há 171 óbitos em investigação.
Os casos confirmados da doença são 33.910. Já os suspeitos somam 45.614 e os descartados, 53.465.

Na sexta-feira (3), o secretário-adjunto da Sesap, Petrônio Spinelli, afirmou que: "aparentemente, estamos entrando numa fase menos dramática. Mas a maioria dos pacientes que morrem estão internadas em leitos de UTI. Digo isso para que as pessoas percebam o quanto essa doença é grave".

Leitos

A taxa de ocupação dos leitos destinados a tratar a Covid-19 no Rio Grande do Norte está distribuída da seguinte maneira, de acordo com a atualização de sexta (3).

Oeste: 100%
Guamaré: 100%
Grande Natal: 97,7%
Pau dos Ferros: 88%
Seridó: 72%

Deixe seu comentário

Pesquisa diz que testes rápidos para Covid-19 tem em média 34% de falso positivo

04 Jul2020

Por Jbelmont às 10h07

Um estudo concluiu que não há evidências que sustentem o uso de testes rápidos para diagnóstico de Covid-19. A análise foi publicada na revista científica BMJ no dia 1º de julho.

Foram analisados dados de mais de 40 estudos de diversos países para avaliar a evidência disponível neste momento que sustente ou não o uso desses testes e indicar sua acurácia.

Os testes sorológicos identificam pessoas que já tiveram contato com o vírus e, por isso, devem ser feitos a partir do 10˚ dia de contágio.

Na revisão, os testes foram divididos por método e também por classes de anticorpos. A sensibilidade e a especificidade dos diferentes testes foram comparadas.

A sensibilidade corresponde ao nível de precisão, ou seja, quanto mais alta, menor a taxa de falsos negativos. Já a especificidade indica quão específico é o teste para detectar anticorpos contra o Sars-CoV-2 em relação a outros vírus respiratórios.

As três sorologias avaliadas foram Elisa e quimioluminescência, feitas em laboratório a partir de amostra de sangue venoso, e a imunocromatrografia, os chamados testes rápidos, que analisam, no próprio aparelho, uma ou duas gotas de sangue da ponta do dedo. As classes de anticorpos correspondem às imunoglobulinas IgM, IgG e IgA.

Os anticorpos IgM são produzidos no início da infecção, enquanto o IgG e IgA —também chamados de memória— aparecem na fase tardia. Os anticorpos IgG e IgA são específicos para um agente viral e podem durar bastante tempo no organismo, sendo considerados bons marcadores de imunidade.

Os pesquisadores observaram que a especificidade dos diferentes testes sorológicos varia entre 96,6% a 99,7%. Em relação à sensibilidade, os testes de quimioluminescência tiveram sensibilidade de 97,8% (intervalo de 46,2% a 100%), os de Elisa 84,3% (intervalo de 75,6% a 90,9%) e o imunocromatográfico de apenas 66% (intervalo de 49,3% a 79,3%). Todas as análises foram feitas em pacientes que apresentaram diagnóstico positivo para Covid-19 no exame RT-PCR, considerado padrão-ouro para diagnóstico de infecção aguda.

Na prática, isso significa que em aproximadamente 34% dos casos os testes rápidos dão falso positivos, enquanto no Elisa essa taxa equivale a cerca de 16% e na quimioluminescência, 2%.

Em relação aos pacientes que não tiveram contato prévio com o vírus, a chance de o resultado positivo ser verdadeiro —nesse caso indicando corretamente que o paciente não apresenta anticorpos anti-Sars-CoV-2— aumenta para 98% para o Elisa e 97% para o imunocromatográfico. No caso da quimioluminescência, essa taxa se manteve em 98%.

Segundo os autores, em uma população cuja prevalência do Sars-CoV-2 seja de 10%, a cada mil indivíduos que contraíram a doença, 66 terão resultado positivo no teste rápido e 34 serão classificados erroneamente como não infectados. Por outro lado, dentre aqueles que não foram contaminados, em 869 o resultado do teste será negativo, mas 31 serão falsamente identificados como se tivessem anticorpos anti-Sars-CoV-2.

No entanto, uma observação importante da revisão é que há um elevado risco de viés (cerca de 67%) nos testes de acordo com o período em foram realizados —se muito no início ou no fim do contágio. Isso significa que há uma correlação direta entre o momento em que é feito o exame e a sua acurácia.

O estudo também comparou os diferentes testes disponíveis comercialmente e as chamadas tecnologias in-house, desenvolvidas e patenteadas por um laboratório, sem comercialização. A sensibilidade dos testes foi significativamente menor nos kits comerciais nos três métodos em comparação às tecnologias laboratoriais, em especial o método imunocromatográfico, cuja sensibilidade foi de apenas 65%, frente à 88,2% do método desenvolvido em laboratório.

Outro dado levantado na pesquisa identificou uma maior taxa de acerto dos testes comerciais quando realizados a partir da terceira semana de contágio em relação às primeiras duas semanas após início dos sintomas.

Segundo os autores, embora a utilização de um teste rápido, de baixo custo e com bom índice de acerto seja de interesse da população, essa procura levou à produção, à comercialização e à divulgação de diversos testes sorológicos para Covid-19 sem que houvesse uma avaliação mais rigorosa de sua sensibilidade.

“A baixa sensibilidade do teste rápido preocupa em particular […]. Essas observações fornecem evidências contrárias ao uso desse teste para outros fins além de estudos de soroprevalência, e apoiam as recomendações dadas pela Organização Mundial da Saúde de não utilizá-los como método diagnóstico”, afirmam os autores.

Os pesquisadores concluem com um alerta: “a baixa performance dos testes sorológicos existentes coloca em dúvida a utilização de tais métodos para tomada de decisões, em particular o uso dos testes rápidos associados aos chamados ‘passaportes de imunidade’ por governantes.”

FOLHAPRESS

Deixe seu comentário

COVID-19: VEJA A SITUAÇÃO ATÉ ONTEM 20 HORAS NO RIO GRANDE DO NORTE E NOSSOS VIZINHOS, CEARÁ E PB

04 Jul2020

Por Jbelmont às 00h00

PARAIBA - Casos de coronavírus na Paraíba em 3 de julho
Paraíba tem 50.765 casos confirmados e 1.062 mortes por coronavírus. São 1.229 casos e 18 mortes confirmadas nesta sexta-feira (3).

RN - contabiliza 33.291 casos de coronavírus e 1143 mortes; 48 óbitos confirmados em comparação com o dia anterior, sendo 07 nas últimas 24 horas

Ceará - chega a 118.311 casos confirmados de Covid-19; 6.373 pessoas morreram em consequência da doença no estado
Os dados foram disponibilizados na plataforma IntegraSUS no fim da tarde desta sexta-feira (3).

Deixe seu comentário

PADRE FLÁVIO AUGUSTO Vigário-geral da Diocese de Mossoró testa positivo para Covid-19

03 Jul2020

Por Jbelmont às 23h08

Do Facebook do nosso querido vigário.

Do blog,  pedimos a Deus que lhe proteja e que logo logo o senhor volte as suas atividades na nossa Catedral de Santa Luzia.

Deixe seu comentário

RN vai receber do Governo Bolsonaro mais R$ 323 milhões para combate ao coronavírus

03 Jul2020

Por Jbelmont às 20h53

Imagem: reprodução/Ministério da Saúde

O Governo Federal autorizou nesta quinta-feira (2), de uma só vez, o repasse de mais R$ 13,8 bilhões – maior valor já liberado em uma única fase – para reforçar o Sistema Único de Saúde (SUS) e garantir o cuidado à saúde de todos os brasileiros no enfrentamento à Covid-19. Desse montante, o Rio Grande do Norte foi beneficiado com R$ 323 milhões.

Os recursos podem ser usados para melhoria da oferta dos serviços hospitalares e de Atenção Básica por meio da aquisição de insumos e produtos, custeio de intervenções médicas, contratação de profissionais de saúde, entre outras benfeitorias na rede pública de saúde, com foco na assistência ao cidadão. Ao todo, já são cerca de R$ 25 bilhões destinados exclusivamente para a Covid-19 em todo o país.

Para definir o valor a ser destinado para cada município, o Ministério da Saúde considerou o tamanho da população e a média de recursos transferidos para atenção hospitalar e atenção básica no ano passado. Já para a distribuição de recursos aos estados, além do critério populacional, foi considerado também o número de leitos de UTI registrado nos planos de contingência preparados pelos estados para enfrentamento à pandemia do coronavírus e a taxa de incidência da Covid-19 por 100 mil habitantes.

O conjunto de 5.570 municípios do país receberão o total de R$ 11,3 bilhões. Já para os estados o valor repassado é na ordem de R$ 2,5 bilhões.

O Ministério da Saúde acompanha de perto a situação da transmissão da Covid-19 em todo o país e tem atuado, em conjunto com as secretarias estaduais de saúde e municipais de saúde para apoiar as ações de enfrentamento à doença.

“Esta é mais uma demonstração de que o Governo Federal mantém apoio irrestrito aos estados e municípios para garantia do cuidado adequado à saúde da população. O SUS funciona com a articulação das ações entre governo federal, estados e municípios”, aponta Elcio Franco, secretário-executivo do Ministério da Saúde.

RECURSOS

Anteriormente, o Ministério da Saúde já havia distribuído diretamente a estados e municípios R$ 9,9 bilhões de recursos voltados exclusivamente para combate ao coronavírus. Os recursos foram transferidos por critério per capita; para habilitação de leitos de UTI Covid-19 e de leitos em Hospitais de Pequeno Porte; incremento ao teto hospitalar; auxílio financeiro emergencial às santas casas e hospitais filantrópicos; habilitação de Centros Comunitários de referência, entre outras ações.

Além das transferências diretas aos estados e municípios, o Ministério da Saúde também foram comprou e distribuiu mais de 15 milhões unidades de medicamentos para auxiliar no tratamento do coronavírus; 115,7 milhões de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs); mais de 11,4 milhões de testes de diagnóstico para COVID-19 e 79,9 milhões de doses da vacina contra a gripe, que ajuda a diminuir casos de influenza e demais síndromes respiratórias no meio dos casos de coronavírus. O Ministério da Saúde também adquiriu e entregou 6.410 equipamentos para todos os estados brasileiros. Estes equipamentos são usados no tratamento de pacientes que apresentem dificuldades para respirar.

Portal Grande Ponto

Deixe seu comentário

Brasil registra 868.372 pessoas recuperadas da Covid-19

03 Jul2020

Por Jbelmont às 20h47

Foto: Marília Quinderé

O Ministério da Saúde registrou, nesta sexta-feira (3/7), o total de 868.372 pessoas curadas do coronavírus em todo o país.

A quantidade é superior ao número de casos ativos (607.535), que são pacientes em acompanhamento médico.

Foram mais 15.556 pacientes recuperados registrados em relação ao boletim divulgado na quinta-feira (2).

O registro de pessoas curadas já representa mais da metade do total de casos acumulados (56,4%).

Deixe seu comentário

Brasil tem 1.264 mortes por coronavírus em 24 horas, mostra consórcio de veículos de imprensa; são 63.254 no total

03 Jul2020

Por Jbelmont às 15h54

País soma 1.543.341 casos confirmados de Covid-19.

O Brasil teve 1.264 mortes registradas por conta do novo coronavírus em 24 horas e passou da marca de 1,5 milhão de infectados, mostra levantamento feito pelo consórcio de veículos de imprensa junto às secretarias estaduais de Saúde nesta sexta-feira (3). Com isso, são 63.254 óbitos pela Covid-19 no país no total. Veja os dados, consolidados às 20h:

63.254 mortes; eram 61.990 até 20h desta quinta (2); uma diferença de 1.264 óbitos.
1.543.341 casos confirmados; eram 1.501.353 infectados até a noite de quinta, ou seja, houve um aumento de 41.988 infectados.
Antes deste balanço, o consórcio divulgou dois boletins parciais, às 8h e às 13h. No boletim da tarde, o país chegou a 1.508.991 casos confirmados e 62.304 óbitos. Mais cedo, com os dados disponibilizados às 8h, o Brasil contava 62.045 mortes e 1.502.424 casos confirmados.

As notícias mais importantes sobre coronavírus do dia
SINTOMAS: tosse e febre continuam no topo, mas há outros sinais da Covid-19 no corpo

Deixe seu comentário

COVID-19: RN registra 712 pacientes internados, sendo 369 em leitos críticos; ocupação na região Oeste é de 100% e Grande Natal 97,7%

03 Jul2020

Por Jbelmont às 13h18

A Secretaria de Estado e Saúde Pública-Sesap atualizou os números do coronavírus no Rio Grande do Norte nesta sexta-feira(03). Sobre o número de pacientes internados, o secretário adjunto, o médico Petrônio Spinelli, informou que o RN registra 712 neste momento, sendo 368 em leitos críticos.

A ocupação de leitos em regiões apresenta o seguinte cenário:

Mossoró (Oeste): 100%

Guamaré (Mato Grande): 100%

Região metropolitana de Natal: 97,7%

Pau dos Ferros (Alto Oeste): 88%

Seridó: 72%

 

bg

Deixe seu comentário

RN contabiliza 33.291 casos de coronavírus e 1143 mortes; 48 óbitos confirmados em comparação com o dia anterior, sendo 07 nas últimas 24 horas

03 Jul2020

Por Jbelmont às 12h56

A Secretaria de Estado e Saúde Pública-Sesap atualizou os números do coronavírus no Rio Grande do Norte nesta sexta-feira(03). Os casos confirmados chegam a 33.291. No boletim dessa quinta(02) eram 32.578. (713 casos a mais).

O total de vítimas da covid-19 no RN chega a 1143. Em comparação com o último boletim, 48 novos óbitos confirmados, após exames laboratoriais dos últimos dias, sendo sete nas últimas 24 horas.

Em investigação são 171 mortes.

Os casos suspeitos são 52.201. Descartados somam 44.599. Recuperados são 2.904.

Deixe seu comentário

George Soares confirma desistência do irmão em disputar a reeleição em Assu e diz grupo vai escolher chapa

03 Jul2020

Por Jbelmont às 12h45

O deputado estadual George Soares (PL) confirmou ao Blog de Heitor Gregório a desistência do seu irmão, prefeito Gustavo Soares, em disputar a reeleição em Assu. “É uma decisão pessoal dele que optou pela medicina”, declarou ao blog.

Segundo George, a definição dos candidatos a prefeito e vice será do grupo político ao qual lidera no município.

“Nosso grupo tem excelentes nomes para disputar a eleição e ganhar. Esse grupo vai escolher a chapa”, complementou.

Pela oposição, o candidato será o ex-prefeito Ivan Júnior.

Deixe seu comentário

Prefeitura de Mossoró organiza testagem da covid-19 em equipamentos públicos e bairros da cidade por drive-thru

03 Jul2020

Por Jbelmont às 12h10

 

A Prefeitura de Mossoró está se estruturando para realizar novos testes da covid-19 em equipamentos públicos de grande movimentação e determinados bairros da cidade por drive thru. A ação objetiva ter uma noção mais clara da situação da covid-19 na cidade e encaminhar os casos positivos para isolamento, evitando o máximo possível novas transmissões da doença. Para tornar essas ações reais, a Prefeitura está comprando 5 mil novos testes e a prefeita Rosalba Ciarlini, com ajuda do deputado Beto Rosado, solicitou mais 20 mil ao Ministério da Saúde.

Já começaram a ser testado os comerciantes do Mercado Lindon Johnson Vieira (Vuco-Vuco), ontem (02), e hoje(03) vai testar os da Central de Abastecimento Prefeito Raimundo Soares (Cobal). O próximo estabelecimento é o Mercado Central, em data ainda a ser divulgada. Outros espaços também serão testados. Para essas ações a Prefeitura de Mossoró está disponibilizando 3 mil testes. A Secretaria de Saúde já testou mais de 5 mil mossoroenses da covid-19 e poderá chegar a mais de 33 mil, se somado os já testados com os 3 mil atuais, 5 mil a serem comprados e 20 mil do Ministério da Saúde.

Quando os testes chegaram, a Prefeitura de Mossoró vai divulgar datas, locais e horários das novas testagens.



TESTAGEM NAS UPAS E UNIDADE HOSPITALAR DE CAMPANHA DO BELO HORIZONTE

Os mossoroenses que estão com sintomas do novo coronavírus entre sete e 30 dias seguidos devem procurar preferencialmente a Unidade Hospitalar de Campanha da Covid-19, localizada no bairro Belo Horizonte, ou qualquer Unidade de Pronto Atendimento (UPA) mais próxima se sua residência, para fazer seu teste. Nessas Unidades de Saúde os pacientes recebem todas as orientações de prevenção e cuidados necessários para adotarem durante esse período de pandemia.

Deixe seu comentário

EUA registram recorde de 53 mil novos casos de Covid-19 em 24 horas

03 Jul2020

Por Jbelmont às 09h34

Foram 53.069 registros até às 21h30 desta quinta-feira (2), segundo a Universidade John Hopkins, superando recorde da véspera, de 52 mil. País já tem mais de 2,7 milhões de casos desde o início da pandemia.

De acordo com os dados registrados pela instituição de Baltimore até as 21h30 de Brasília, o país contabiliza desde o início da pandemia 2.735.554 diagnósticos positivos da Covid-19.

É a terceira vez nesta semana que os Estados Unidos registram recorde de contágios diários, com mais de 42 mil na segunda-feira e mais de 52 mil na quarta.

Em relação ao número de mortes nas últimas 24 horas, foram 649, elevando o total de vidas perdidas no país a 128.677, de acordo com a instituição de Baltimore.

Deixe seu comentário

COVID-19: MAIS TRÊS MORTES REGISTRADAS

03 Jul2020

Por Jbelmont às 09h30

Mais 3 mortes e 128 novos casos confirmados de Covid-19 em Mossoró. Já são 132 óbitos e 3.185 casos confirmados.

Magnos Alves

Deixe seu comentário

Mais um médico morre em Natal aos 36 anos

03 Jul2020

Por Jbelmont às 09h14

Em menos de 48h, a classe médica potiguar perde seu terceiro profissional. Trata-se do médico Renê Anisio Rodrigues, de 36 anos.

Faleceu na manhã desta sexta-feira(03), em Natal, vítima de coronavírus.

Deixa esposa e um filho.

Além de Renê, o RN perdeu nesses últimos dias o Dr. Paulo Matos e o Dr. Nivaldo Serreno de Noronha Júnior.

Ficam os sentimentos a todos os familiares do Dr. Renê Anisio Rodrigues.

Deixe seu comentário

COVID-19: VEJA A SITUAÇÃO ATÉ ONTEM 20 HORAS NO RIO GRANDE DO NORTE E NOSSOS VIZINHOS, CEARÁ E PB

03 Jul2020

Por Jbelmont às 00h00

PARAIBA - Casos de coronavírus na Paraíba em 2 de julho
Paraíba tem 49.536 casos confirmados e 1.044 mortes por coronavírus. São 1.362 casos e 42 mortes confirmadas nesta quinta-feira (2).

A Paraíba tem 49.536 casos confirmados de contaminação pelo novo coronavírus, segundo informações da Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgadas nesta quinta-feira (2). O número de mortes confirmadas por Covid-19 subiu para 1.044 no estado desde o início da pandemia. Já são 218 cidades da Paraíba com casos registrados da doença.

Foram registradas mais 42 mortes em decorrência do coronavírus desde o último boletim:

CEARÁ - Números de Covid-19 em Fortaleza estão 'melhorando' e 'preocupação' é com o Cariri, diz Camilo Santana
Novos casos começam a se estabilizar na Grande Fortaleza e em Sobral, afirma o governador Camilo Santana.

São 116.519 casos de Covid-19 registrados no Ceará até as 16h47 desta quinta-feira (2). Foram contabilizadas também 6.307 mortes, conforme a plataforma IntegraSUS, da Secretaria da Saúde (Sesa).

RN - RN contabiliza 1095 mortes por coronavírus, sendo 28 confirmadas nas últimas 24 horas; óbitos em investigação somam 173
O total de vítimas da covid-19 no RN chega a 1095. Em comparação com o último boletim, 28 novos óbitos confirmados, após exames laboratoriais dos últimos dias, sendo nove nas últimas 24 horas.

Os casos confirmados chegam a 32.578. Em investigação são 173 mortes.

Deixe seu comentário

CORONAVÍRUS: 91% dos infectados apresentam sintomas; pesquisa do Ministério da Saúde mostra os mais frequentes

02 Jul2020

Por Jbelmont às 21h21


Foto: Daily Express

Uma pesquisa do Ministério da Saúde em parceria com a UFPel (Universidade Federal de Pelotas) apontou que 91% dos infectados pelo novo coronavírus no país apresentam algum sintoma da doença. Apenas 9% são assintomáticos. Os resultados foram divulgados hoje pela Pasta em coletiva no Planalto.

“Não queremos dizer que 91% das pessoas com covid vão precisar de atendimento hospitalar, mas que os sintomas aparecem, e isso é uma boa notícia para detectar esses pacientes e impedir o avanço da doença”, disse Pedro Hallal, professor da UFPel.

Segundo o estudo, um dos principais sintomas é a alteração de olfato e paladar. “Das 2.000 pessoas que testaram positivo na nossa pesquisa, mais de 60% delas tiveram um sintoma que é a alteração de olfato e paladar, e isso nos chamou muita atenção”, disse.

Os sintomas mais frequentes foram:

– alteração no olfato/paladar (62,9%);

– dor de cabeça (62,2%);

– febre (56,2%);

– tosse (53,1%) e

– dor no corpo (52,3%).

Também houve relatos de:

– dor de garganta (35,1%);

– diarreia (29,3%);

– dificuldade para respirar (26,9%);

– tremedeira no corpo (26,2%);

– palpitação (23,1%) e

– vômitos (10,3%).

“É preciso parar de dizer que a maioria dos casos são assintomáticos. Já se chegou a dizer que 86% dos infectados não apresentavam sintomas”, acrescentou Hallal.

Segundo a pesquisa, existem mais pacientes com sintomas leves do que assintomáticos entre os portadores do coronavírus. Os resultados também indicaram que a taxa de letalidade da covid-19 está em 1,15%, ou seja, com cerca de um óbito a cada cem pessoas infectadas.

Os dados mostraram ainda que crianças são infectadas tanto quanto adultos, mas com “casos mais leves”, segundo o professor. E que os mais pobres registram proporcionalmente mais infecções.

Segundo o boletim mais recente, divulgado hoje pelo Ministério da Saúde, o Brasil encostou na marca de 1,5 milhão de casos de covid-19. Os 48.105 novos diagnósticos configuraram o segundo dia com maior número de notificações da doença no país. Agora, o total de infectados está em 1.496.858. A Pasta também confirmou mais 1.252 novos óbitos, elevando o acumulado a 61.884 vítimas fatais da doença.

Metodologia O estudo foi realizado em três etapas, com apoio do Ibope Inteligência, que foi a campo para realizar a coleta de dados com testes rápidos (IgM e/ou IgG) em 133 cidades chamadas “sentinelas”, que são os maiores municípios das divisões demográficas do país seguindo critérios do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

“A possibilidade de falsos positivos são praticamente nulas, mas em torno de 15% das pessoas infectadas ele pode não conseguir detectar”, afirmou Hallal. Os participantes foram escolhidos de maneira aleatória por sorteio. Foram testadas 89.397 pessoas nas três fases da pesquisa. A primeira ocorreu entre 14 e 21 de maio. A segunda foi entre 4 e 7 de junho. E a última, entre 21 e 24 de junho.

UOL

Deixe seu comentário

Brasil tem 1.277 mortes por coronavírus em 24 horas e passa de 1,5 milhão de casos, mostra consórcio de veículos de imprensa

02 Jul2020

Por Jbelmont às 20h49

País soma 61.990 mortes por Covid-19 e chega a 1.501.353 infectados confirmados, segundo secretarias estaduais de Saúde.

O Brasil teve 1.277 mortes registradas por conta do novo coronavírus em 24 horas e passou da marca de 1,5 milhão de infectados, mostra levantamento feito pelo consórcio de veículos de imprensa junto às secretarias estaduais de Saúde nesta quinta-feira (2). Com isso, são 61.990 óbitos pela Covid-19 no país no total. Veja os dados, consolidados às 20h:

61.990 mortes; eram 60.713 até 20h desta quarta (1º); uma diferença de 1.277 óbitos.
1.501.353 casos confirmados; eram 1.453.369 infectados até a noite de quarta, ou seja, houve um aumento de 47.984 infectados.
Antes deste balanço, o consórcio divulgou dois boletins parciais, às 8h e às 13h. No boletim da tarde, o país chegou a 1.476.884 casos confirmados e 61.314 óbitos. Mais cedo, com os dados disponibilizados às 8h, o Brasil contava 60.813 mortes e 1.456.969 casos confirmados.

Deixe seu comentário

Morre o ex-deputado Wanderley Mariz

02 Jul2020

Por Jbelmont às 17h45

O ex-deputado federal Wanderley Mariz, 79 anos, faleceu hoje, vítima do coronavírus. Ele estava internado na UTI do Hospital São Lucas, teve protocolo de morte cerebral aberto ontem. Há pouco sua morte de fato foi confirmada.

Wanderley é filho do ex-senador e ex-governador do RN Dinarte Mariz.

Deixe seu comentário

RN contabiliza 1095 mortes por coronavírus, sendo 28 confirmadas nas últimas 24 horas; óbitos em investigação somam 173

02 Jul2020

Por Jbelmont às 12h41

A Secretaria de Estado e Saúde Pública-Sesap atualizou os números do coronavírus no Rio Grande do Norte nesta quinta-feira(02). Os casos confirmados chegam a 32.578.

O total de vítimas da covid-19 no RN chega a 1095. Em comparação com o último boletim, 28 novos óbitos confirmados, após exames laboratoriais dos últimos dias, sendo nove nas últimas 24 horas.

Em investigação são 173 mortes.

Os casos suspeitos são 44.157. Descartados somam 51.041. Recuperados são 2.904.

Deixe seu comentário

Deputado João Maia é internado com suspeita de coronavírus

02 Jul2020

Por Jbelmont às 12h07

Foto: Divulgação

O deputado federal João Maia encontra-se hospitalizado em Natal desde a noite dessa quarta-feira(01), com suspeita de ter contraído a covid-19.

No momento, o parlamentar apresenta quadro estável e aguardando o resultado do exame que só deve sair na noite desta quinta-feira (02). João Maia está realizando exames e seguindo todas as orientações médicas.

Deixe seu comentário

Governo convoca 930 profissionais para enfrentamento da Covid-19; veja lista

02 Jul2020

Por Jbelmont às 12h05

O Governo do Estado convocou 930 profissionais da área da saúde para atuar no enfrentamento da Covid-19 no Rio Grande do Norte. A convocação temporária foi publicada na edição desta quinta-feira, 2, do Diário Oficial do Estado (DOE).

Os convocados devem ficar atentos aos prazos, pois deverão assinar o contrato no prazo de 10 dias a partir da data da publicação e o atendimento será de forma virtual. Todas as informações estão publicadas no DOE, onde também consta a lista dos profissionais convocados para cada Região de Saúde.

Foram convocados enfermeiros, farmacêuticos, bioquímicos ou biomédicos, fisioterapeutas, técnicos em enfermagem, técnicos em radiologia, técnicos em laboratório, higienistas, copeiros, auxiliares de cozinha, cozinheiros e maqueiros para as oito Regiões de Saúde do estado.

http://diariooficial.rn.gov.br/dei/dorn3/docview.aspx?id_jor=00000001&data=20200702&id_doc=687762

Deixe seu comentário

Mega-Sena, concurso 2.275: ninguém acerta as seis dezenas e prêmio vai a R$ 27 milhões

01 Jul2020

Por Jbelmont às 21h22

Quina teve 51 apostas ganhadoras; cada uma receberá R$ 43.339,89.



Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 2.275 da Mega-Sena, realizado na noite desta quarta-feira (1º) no Espaço Loterias Caixa, no terminal Rodoviário Tietê, na cidade de São Paulo. O prêmio acumulou.

Veja as dezenas sorteadas: 02 - 04 - 25 - 36 - 50 - 53.

A quina teve 51 apostas ganhadoras; cada uma receberá R$ 43.339,89. A quadra teve 3.212 apostas vencedoras; cada uma levará R$ 983,06.

O próximo concurso (2.276) será no sábado (4). O prêmio é estimado em R$ 27 milhões.

Deixe seu comentário

Com 1.057 mortes em 24 horas, Brasil chega a 60.713 óbitos, aponta consórcio de veículos de imprensa no boletim das 20h

01 Jul2020

Por Jbelmont às 20h15

Novos 44.884 casos foram reportados, elevando para 1.453.369 o número de infectados pelo novo coronavírus no país

RIO — O Brasil contabilizou 1.057 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas, elevando o total de óbitos durante a pandemia para 60.713, segundo levantamento feito com as secretarias estaduais de saúde pelo consórcio de imprensa nesta quarta-feira. A marca de 60 mil mortes já havia sido registrada no levantamento das 13h. O total de casos confirmados, por sua vez, foi de 1.453.369, após 44.884 novos diagnósticos no último dia.


Infográfico: Números da pandemia no Brasil e no mundo

No dia 11 de junho, o Brasil atingiu a marca de 40 mil óbitos pela Covid-19. Dez dias depois, no dia 21 de junho, o país atingiu o número de 50 mil vidas perdidas para o novo coronavírus. Hoje, seguindo a média, são 60 mil óbitos. g1

Deixe seu comentário

Câmara aprova em 1º turno PEC do adiamento das eleições municipais; matéria precisa ser votada em segundo turno

01 Jul2020

Por Jbelmont às 19h01

Foto: Elza Fiúza/Agência Brasil

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (1º) em primeiro turno o texto-base da PEC (Proposta de Emenda à Constituição) 18/2020, que prevê o adiamento das eleições municipais em decorrência da pandemia do novo coronavírus. A proposta recebeu 402 votos favoráveis, 90 contrários e quatro abstenções.

Pela matéria, as datas do primeiro e segundo turno do pleito municipal são alteradas para 15 e 29 de novembro, respectivamente.

Os parlamentares votam, neste momento, destaques da matéria. Depois, a matéria precisa ser votada em segundo turno. Caso também seja aprovada em segunda votação, o texto seguirá para sanção presidencial.

R7

Deixe seu comentário

Perfil do Blogueiro

JBelmont
José J Belmont Natural de São José de Campestre RN Radialista, ex vereador de Mossoró e ex deputado estad…
Leia +