.

Vice-presidente afirma em Mossoró que governo é comprometido com o semiárido

03 Dez2020

Por Jbelmont às 21h46

Com a presença do vice-presidente da República, general Hamilton Mourão, foi aberto no início da tarde desta quinta-feira (P3) o Fórum de Desenvolvimento do Semiárido, no Teatro Municipal Dix-huit Rosado, em Mossoró. Além de Mourão estão presentes o ministro da Educação, Milton Ribeiro, os deputados federais Bia Kicis (PSL/DF), General Girão (PSL/RN), além da prefeita Rosalba Ciarlini (Progressistas) e o vice-governador Antenor Roberto (PC do B).

Na sua fala, Hamilton Mourão destacou as características gerais do semiárido, afirmando que o governo está investindo para mudar a realidade da região. Enalteceu o evento, afirmando que é importante para debater as ações e investimentos para o desenvolvimento econômico e social do semiárido.

“Este é um lugar de pessoas lutadoras, criativas, resistentes, esperançosas e solidárias. Pode-se encontrar aqui centenas de experiências e iniciativas, por meio das quais, o povo se mantém vivo confirmando aquilo que já foi dito por Euclides da Cunha, que é o sertanejo antes de tudo é um forte”, discursou, para em seguida ressaltar que os debates e discussões no Fórum subsidiarão a formulação do Plano de Desenvolvimento do Semiárido, cujo objetivo é o aproveitamento das potencialidades da região e o alcance das metas.

O evento está sendo organizado pelo Instituto Sagres – Política e Gestão Estratégica Aplicadas e foi idealizado pela Frente Parlamentar Mista em Prol do Semiárido, presidida pelo deputado federal General Girão (PSL-RN).

O Fórum reunirá durante três dias os diferentes agentes, públicos e privados, interessados em desenvolver ações de fomento a investimentos multissetoriais em empreendimentos que definirão um amplo programa de desenvolvimento econômico e social do Semiárido nordestino, envolvendo 13 eixos temáticos.

No sábado (4), a partir das 8h30, uma extensa programação de oficinas com eixos temáticos ocorre na Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA).

Durante o Fórum, serão debatidos e discutidos os seguintes eixos temáticos: Recursos Hídricos, Energia, Agronegócio, Mercado, Relações Exteriores (comércio), Recursos Minerais, Segurança – Jurídica e Fundiária, Educação – Capacitação, Turismo, Transporte e Logística, Novas tecnologias e Inovação, Comunicação – TI e Meio Ambiente.

Deixe seu comentário

Unidades do Residencial Mossoró II serão entregues nesta sexta-feira (04)

03 Dez2020

Por Jbelmont às 21h36

O sonho da casa própria se torna realidade nesta sexta-feira, 04, para mais de 100 mossoroenses que foram os primeiros contemplados com os apartamentos do Residencial Mossoró II. A solenidade de entrega das chaves das unidades acontece a partir das 15h, no local do empreendimento, na Rua Isaura Rosado, bairro Bela Vista.

A primeira etapa da entrega acontece para os 109 contemplados que tiveram sua documentação aprovada junto a Caixa Econômica Federal e que também já realizaram a vistoria dos imóveis nesta semana. As demais unidades serão entregues a medida em que o processo for concluído pelas demais famílias que foram convocadas no cadastro reserva.

O Residencial Mossoró II possui 300 apartamentos e faz parte de um complexo habitacional de três condomínios com 300 apartamentos cada. O imóvel, de 39,05 m², é composto por uma sala, dois quartos, banheiro, cozinha e área de serviço.

Cada Residencial conta com área de lazer com churrasqueira, parque infantil, cozinha e banheiros acessíveis. Cada apartamento possui uma vaga na garagem. Esta é a segunda etapa entregue aos beneficiados, os 300 primeiros apartamentos (Residencial Mossoró I) foram entregues no mês de agosto.

Deixe seu comentário

Brasil tem mais de 40 mil casos de Covid por dia na média móvel, maior marca desde agosto

03 Dez2020

Por Jbelmont às 20h13

País tem 175.307 óbitos e 6.487.507 diagnósticos de Covid-19, segundo levantamento do consórcio de veículos de imprensa. Foram 776 mortes registradas em 24 horas.

O consórcio de veículos de imprensa divulgou novo levantamento da situação da pandemia de coronavírus no Brasil a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde, consolidados às 20h desta quinta-feira (3).

O país registrou 776 mortes pela Covid-19 nas últimas 24 horas, chegando ao total de 175.307 óbitos desde o começo da pandemia. Com isso, a média móvel de mortes no Brasil nos últimos 7 dias foi de 544. A variação foi de 0% em comparação à média de 14 dias atrás, indicando tendência de estabilidade nas mortes por Covid, quando não há aumento ou queda significativos.

Em casos confirmados, desde o começo da pandemia 6.487.516 brasileiros já tiveram ou têm o novo coronavírus, com 50.883 desses confirmados no último dia. A média móvel nos últimos 7 dias foi de 40.421 novos diagnósticos por dia, a maior desde 31 de agosto --quando chegou a 40.526. Isso representa uma variação de +37% em relação aos casos registrados em duas semanas, o que indica tendência de alta nos diagnósticos.

Treze estados apresentaram alta na média móvel de mortes: PR, RS, SC, ES, MS, AC, AP, RO, CE, PB, PE, RN e SE.

Também vale ressaltar que há estados em que o baixo número médio de óbitos pode levar a grandes variações percentuais. Os dados de médias móveis são, em geral, em números decimais e arredondados para facilitar a apresentação dos dados.

Brasil, 3 de dezembro
Total de mortes: 175.307
Registro de mortes em 24 horas: 776
Média de novas mortes nos últimos 7 dias: 544 (variação em 14 dias: 0%)
Total de casos confirmados: 6.487.516
Registro de casos confirmados em 24 horas: 50.883
Média de novos casos nos últimos 7 dias: 40.421 por dia (variação em 14 dias: +37%)
(Antes do balanço das 20h, o consórcio divulgou um boletim parcial às 13h, com 174.647 mortes e 6.445.691 casos confirmados.)

Estados
Subindo (13 estados): PR, RS, SC, ES, MS, AC, AP, RO, CE, PB, PE, RN e SE
Em estabilidade, ou seja, o número de mortes não caiu nem subiu significativamente (10 estados + o DF): MG, SP, DF, MT, AM, PA, RR, TO, BA, MA e PI
Em queda (3 estados): RJ, GO e AL
Essa comparação leva em conta a média de mortes nos últimos 7 dias até a publicação deste balanço em relação à média registrada duas semanas atrás (entenda os critérios usados pelo G1 para analisar as tendências da pandemia).

Deixe seu comentário

Taxa de ocupação de leitos para covid no RN nesta quinta-feira é de 62,2%; Grande Natal tem 54,8% e Oeste 83,1%

03 Dez2020

Por Jbelmont às 12h51

(Foto: Reprodução/Regula/Sesap)

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta quinta-feira (03). Quanto à taxa de ocupação geral das unidades de saúde, os números no fim da manhã mostram 62,2%. Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 217.

Segundo a Sesap, o Seridó registra 44% dos leitos ocupados, seguido da Região Metropolitana(54,8%); e a região Oeste tem (83,1%) – em destaque como o índice mais alto.

via bg

Deixe seu comentário

RN registra 174 novos casos de coronavírus; 03 óbitos nas últimas 24 horas, e outros 04 após confirmação de dias anteriores

03 Dez2020

Por Jbelmont às 12h40

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta quinta-feira (03). Foram mais 174 casos confirmados, totalizando 96.855. Na quarta-feira(02) eram 96.681 infectados.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 2.711 no total. Três(03) mortes nas últimas 24 horas(sendo duas em Natal e uma Florânia), e quatro após a confirmação de exames laboratoriais de dias anteriores. Mortes em investigação são 402.

Casos suspeitos somam 43.366 e descartados são 234.182. Recuperados são 48.821.

Deixe seu comentário

Prefeitos comemoram aprovação de PEC do deputado Tomba Farias, que permite repasse de recursos de emendas diretamente para os municípios

03 Dez2020

Por Jbelmont às 12h16

Um presente antecipado de Natal. Foi assim que prefeitos das regiões do Trairi, Agreste e Central, a exemplo de gestores de outros municípios do estado, comemoraram a aprovação da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) de autoria do deputado estadual Tomba Farias, que vai permitir que, a partir de 2021, as emendas de parlamentares ao Orçamento Geral do Estado (OGE) sejam repassadas diretamente às prefeituras, beneficiando os 167 municípios do Rio Grande do Norte.

A iniciativa inédita do parlamentar municipalista surge no momento em que a as prefeituras enfrentam grandes dificuldades e desburocratiza os repasses de recursos provenientes das emendas diretamente para as prefeituras. Segundo Tomba Farias, a “transferência especial” permite que as prefeituras recebam as verbas sem qualquer intermediação, independente da celebração de convênios ou de qualquer outro instrumento semelhante. A medida de autoria do parlamentar também abrange as transferências com finalidade definida, que são aquelas que envolvem recursos vinculados a finalidades específicas.

“São imensas as dificuldades enfrentadas pelos municípios. A nossa emenda constitucional propicia uma maior autonomia às prefeituras, dando condições de que elas invistam em obras de infraestrutura”, disse.

No entanto, Tomba Farias alerta que os recursos oriundos das emendas individuais impositivas não poderão ser utilizados para pagamento de despesas com pessoal e encargos sociais referentes a servidores ativos, inativos e pensionistas ou encargos de dívidas.

“A prestação de contas deve ocorrer na forma do convênio celebrado, no caso das transferências com finalidades definidas. Já no caso das transferências especiais, estas terão a prestação de contas anual feitas diretamente ao Tribunal de Contas do Estado.

Deixe seu comentário

Governo planeja privatização de Correios, Eletrobras e mais sete estatais em 2021

03 Dez2020

Por Jbelmont às 12h11

“A empresa tem uma receita importante, mas tem uma despesa muito elevada também, então sobra pouco recurso para reinvestir”, diz Martha Seillier a VEJA – //Reprodução

Depois da promessa do ministro da Economia, Paulo Guedes, há três semanas, de privatizar quatro estatais em 90 dias, o projeto de desestatizações do governo divulgado para 2021 parece mais realista, e menos ambicioso. O ministério projeta a venda de nove estatais no ano que vem. São elas: Correios, Eletrobras, Emgea, Ceasaminas, ABGF, CBTU, Nuclep, Trensurb e Codesa. A agenda foi apresentada em reunião do Conselho do Programa de Parcerias e Investimentos, o PPI, nesta quarta-feira. O andamento da agenda é fundamental para que o país imprima um ritmo de recuperação econômica forte, passado o pior momento da crise da Covid-19. A secretária do PPI, Martha Seillier, ainda garantiu que a modelagem para a extinção da empresa Ceitec, responsável pela montagem de chips, está nos ajustes finais para ser enviada para o presidente Jair Bolsonaro. Os dois grandes ativos da lista, Eletrobras e Correios, são, consequentemente, os mais desafiadores de escoar pelo Congresso Nacional. Um dos principais entraves para a venda da estatal de energia é, historicamente, a bancada do Norte no Senado, capitaneada pelo MDB. O governo costura alternativas para convencer os senadores a dar andamento ao projeto de desestatização.

O apagão no Amapá, de acordo com a secretária Martha, apenas reforça a necessidade de privatização da Eletrobras. “A empresa tem dificuldades de realizar investimentos, por ser controlada pela União. O objetivo é tornar essa gigante ainda maior, para que ela volte a participar dos leilões. Não abriremos mão desses objetivos. Esse projeto, aprovado, garante mais investimentos para a região Norte”, disse ela depois da reunião desta quarta-feira, 2.

“O objetivo é o governo deixar de ser o controlador da estatal. Enquanto o governo controla a empresa em termos de ações, isso significa que ela está sujeita a regras públicas de contratação, de investimento, e isso diminui a própria capacidade de se fazê-los e de participar de novos leilões de geração e de transmissão”, afirmou Martha, em entrevista a VEJA. “O governo continuaria sendo sócio da Eletrobras, mas, com a capitalização, deixaria de ser o controlador, passando a ter posição minoritária”. Segundo o secretário de Desestatização, Diogo Mac Cord, o governo espera atrair até 60 bilhões de reais em investimentos com a venda da empresa.

No caso dos Correios, o principal entrave envolve o chamado princípio da universalização, que exige constitucionalmente que a empresa esteja presente em todos os rincões do país. A pressão do funcionalismo em uma companhia extremamente sindicalizada (e com influência entre os congressistas) também dificulta o avanço da privatização. “A empresa tem uma receita importante, mas com uma despesa muito elevada também, então sobra pouco recurso para reinvestir”, disse Martha à reportagem. “Temos visto que o setor está cada vez mais intensivo em tecnologia. Cada vez mais essas empresas que concorrem com os Correios na parte de encomendas estão investindo em plataformas digitais, diversificando a prestação de serviços e conseguindo, com isso, baratear o custo do serviço. A estatal, no entanto, não consegue acompanhar a celeridade e a eficiência de uma empresa privada, que pode tomar suas decisões com velocidade, que não precisa estar licitando todos os contratos ou dependendo de recursos públicos”, afirma ela.

“Existem muitas vantagens em passar esse serviço para a iniciativa privada. Mas, por outro lado, vai exigir alguma regulação, nos contratos de prestação de serviço com o estado, para garantir que esses serviços continuem sendo prestados. Ou seja, para que pessoas que estejam no interior do país, em regiões de difícil acesso, consigam continuar recebendo não só as encomendas, mas os serviços essenciais que os Correios entregam”, diz Martha. “Não são só compras particulares, interesses particulares, que estão em jogo.” De acordo com o cronograma oficial, o Ministério da Economia deseja encerrar o processo de concessão da estatal no quarto semestre do ano que vem.

Além de manter diálogo com o Congresso, algo que por vezes chega a ser exaustivo, a secretária Martha admite que há alguns desafios na carteira, como o caso de estatais deficitárias. Um dos possíveis entraves apontados por ela é a privatização das empresas de mobilidade interurbanas, como CBTU e Trensurb, duas das companhias na mira do programa de desestatização. “São empresas que demandam aportes relevantes do Tesouro Nacional. Isso faz com que elas não parem de pé sozinhas. Elas são dependentes do dinheiro público, porque as tarifas cobradas no transporte são baixas perante à necessidade de investimentos que demandam”, diz ela, que admite o estudo de participação societária de grupos que utilizam os terminais de trens para dar vazão à desestatização de CBTU e Trensurb.

Outro caso delicado, por outro motivo, é o das empresas de dados públicos, como Dataprev e Serpro. Por lidarem com informações confidenciais do contribuinte, podem ser alvo de interesses escusos por parte das postulantes no certame. Martha, porém, diz que a segurança dos dados será levada em consideração no processo de escolha. “Nós temos apontado todas essas questões relativas à segurança dos dados e das informações. A ideia não é vender por vender. Queremos melhorar a prestação de serviço, tornando essas empresas mais eficientes”, afirma.

Planos para desestatizar

O presidente Jair Bolsonaro participou da reunião do conselho nesta quarta-feira. A ele, foram apresentados os 116 ativos que o governo espera leiloar durante o ano que vem. Além das empresas, o governo espera dar continuidade à concessão de aeroportos, portos, ferrovias e rodovias. O Ministério da Economia já tinha listado 126 projetos no PPI — com as inclusões, são 201 projetos previstos até o fim da gestão Bolsonaro. O governo espera arrecadar 367 bilhões de reais em concessões e privatizações no ano que vem. Além das empresas, entre os ativos estão o Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, o Porto de Suape, em Pernambuco, e a Ferrovia de Integração Oeste-Leste, a Fiol, no trecho entre Ilhéus e Caetité, na Bahia. “A gente teve uma onda relevante de privatizações na década de 90 e depois pouco se avançou nessa agenda, então tem mais preconceito e mais desconhecimento e é natural que isso implique em mais ruído”, afirma a secretária. “Mas os processos de privatizações estão avançando”. Que assim seja.

Veja

Deixe seu comentário

SINE-RN tem 161 vagas de empregos nesta quinta-feira para Natal, Região Metropolitana e Mossoró

03 Dez2020

Por Jbelmont às 12h09

Foto: Marcello Casal/Agência Brasil

A Subsecretaria do Trabalho da Sethas-RN, através do SINE-RN, oferece nesta quinta-feira(03) 161 vagas de emprego para Natal e Região Metropolitana, São José do Mipibu e Mossoró.

Para concorrer às vagas, o(a) candidato(a) deve se cadastrar via Internet no Portal Emprega Brasil do Ministério do Trabalho e Emprego, através do endereço empregabrasil.mte.gov.br ou nos aplicativos Sine Fácil e Carteira de Trabalho Digital, disponíveis para Android e IOS.

Neste momento, devido à pandemia do novo coronavírus (Covid-19), o Sine-RN está com atendimento presencial realizado mediante agendamento. Em Natal, os telefones para agendamento da unidade matriz, em Candelária, são: (84) 3190-0783, 3190-0788, 98106-6367 e 98107-4226. Os agendamentos e atendimentos acontecem de segunda a sexta-feira, das 8h às 13h. Siga o Sine-RN no Instagram: @sine.rn

VEJA AS OFERTAS DE VAGAS DE EMPREGO POR OCUPAÇÃO:

ATENDENTE DE MESA 20

AUXILIAR DE COZINHA 20

AUXILIAR DE MECÂNICO DE AUTOS 01

CASEIRO 01

CONFEITEIRO 01

COORDENADOR DE RESTAURANTE 20

COPEIRO 01

ELETRICISTA BOBINADOR 01

JARDINEIRO 01

MECÂNICO DE AR-CONDICIONADO E REFRIGERAÇÃO 01

MONTADOR DE VEÍCULOS (LINHA DE MONTAGEM) 01

TÉCNICO DE LABORATÓRIO DE ANÁLISES CLÍNICAS 08

TÉCNICO DE REFRIGERAÇÃO (INSTALAÇÃO) 02

TÉCNICO DE MANUNTENÇÃO DE MÁQUINAS 01

TÉCNICO EM SEGURANÇA DO TRABALHO 01

TORNEIRO MECÂNICO 02

VENDEDOR PRACISTA 01

VIGILANTE 78

Deixe seu comentário

EUA passam de 100 mil hospitalizados por Covid-19 pela 1ª vez; mortes em um só dia também chegam ao seu maior número

03 Dez2020

Por Jbelmont às 12h02

Projeto que contabiliza internações aponta 100.226 pessoas em hospitais do país. Mortes só na quarta-feira (2) chegaram a 3.157, de acordo com a Universidade Johns Hopkins.

Os Estados Unidos chegaram ao número mais alto de internados por Covid-19 já registrado, além de uma quantidade inédita de mortes em um só dia nesta quarta-feira (2).

Os hospitalizados por causa da doença passaram dos 100 mil pela primeira vez desde o início da pandemia, anunciou o Covid Tracking Project nesta quarta-feira (2).

E, segundo o monitoramento da Universidade Johns Hopkins, os mortos chegaram a 3.157 no mesmo dia, uma marca também sem precedentes.

"Existem atualmente 100.226 pessoas com Covid-19 e hospitalizadas nos Estados Unidos, é a primeira vez que as hospitalizações ultrapassam 100 mil", anunciou o Covid Tracking Project no Twitter.

As autoridades dos Estados Unidos temem que a situação piore, já que mais de 150 mil pessoas testam positivo diariamente para o vírus no país.
EUA e Brasil são países com mais mortes
Os Estados Unidos são hoje o país com o maior número de infectados e mortos pela Covid-19. Foram 273, 8 mil mortes desde o início da pandemia até a manhã desta quinta-feira, segundo dados coletados pela Johns Hopkins. O total de casos registrados é de quase 14 milhões.

O Brasil é o segundo país com mais mortes. Foram 174,5 mil até a noite desta quarta-feira (2), de acordo com o consórcio de veículos de imprensa.


Em casos confirmados, o Brasil fica em terceiro lugar, atrás de EUA e Índia. Desde o começo da pandemia, 6,4 milhões de pessoas tiveram o novo coronavírus no Brasil, também segundo dados da noite de quarta. Na Índia, foram registrados 9,5 milhões de casos.

Ação de Graças pode aumentar infecções
Espera-se nos Estados Unidos um aumento das infecções após as celebrações do Dia de Ação de Graças, que foram marcadas pelo deslocamento de milhões de pessoas, apesar das recomendações de isolamento.

Só na Califórnia, mais de 20 mil casos de Covid-19 foram registrados nesta quarta, tornando-o o estado do país com o maior número de casos em um dia desde o início da pandemia, de acordo com o Covid Tracking Project.

O vídeo abaixo, no Jornal Nacional, mostra como funciona a técnica da vacina da Pfizer e da BioNTech contra a Covid-19, aprovada no Reino Unido nesta quarta-feira (2) para começar a ser aplicada na população ainda neste ano.

g1

Deixe seu comentário

Prefeitura realiza novo drive thru para testes Covid-19

03 Dez2020

Por Jbelmont às 10h38

Ação vai ocorrer ao lado do Museu
Foto: reprodução


A Prefeitura de Mossoró, por meio da Secretaria de Saúde, vai realizar neste sábado (05) mais um drive thru de testagem covid-19.

A ação vai ocorrer das 7h às 11h ao lado do Museu Histórico Jornalista Lauro da Escóssia aberta à população, porém a orientação da Saúde é que os mossoroenses que se encontram no perfil epidemiológico de teste (idosos, pessoas com comorbidades, pessoas sintomáticas e que tiveram contato com algum caso confirmado) comparecem para serem testados.

A Prefeitura está disponibilizando 2 mil testes rápidos que apresentam resultados IgG e IgM.

Para ser testado é preciso apresentar documento oficial com foto e comprovante de residência no nome do usuário ou de algum familiar. Os resultados que derem positivos vão ser encaminhados à consulta com médico nos Centros de Atendimento para Enfrentamento da Covid-19 no Belo Horizonte ou no Santo Antônio e já vão sair com medicamentos para iniciar tratamento contra covid.

A rota para entrar no drive de testagem vai iniciar pela Avenida Dr. Almir de Almeida Castro (rua do Parque Municipal) e segue pela Rua Maria Ferreira de Azevedo até chegar ao local de testagem.

Deixe seu comentário

Apostador do RN acerta números da Lotofácil e leva prêmio milionário; confira

03 Dez2020

Por Jbelmont às 09h21

 

Duas apostas das cidades de Parnamirim - RN e São Paulo - SP foram as vencedoras do concurso 2097 da Lotofácil, realizado na noite de hoje (2) em São Paulo. Os números sorteados foram 02-03-06-07-08-10-12-14-15-16-18-19-21-23-24. A Caixa informou que cada bilhete premiado vai levar um prêmio de R$ 1.635.264,31.

Deixe seu comentário

MPF pede ao TSE quebra de sigilo bancário de dono da Havan por fake news

03 Dez2020

Por Jbelmont às 09h13

A Procuradoria-Geral Eleitoral pediu nessa terça-feira (1º) a quebra dos sigilos bancário e fiscal do empresário Luciano Hang e de mais quatro empresas na ação de investigação judicial que tramita no Tribunal Superior Eleitoral e que pede a cassação da chapa de Jair Bolsonaro e Hamilton Mourão por disparo de fake news nas eleições de 2018.

 

A PGE também pediu a reabertura da fase de instrução de duas das quatro ações que tratam do assunto.

 

O pedido engloba o período de 1º de julho a 30 de novembro de 2018 e engloba, além de Hang, as empresas Quick Mobile, Yacows, Croc Services e SMSMarket.

 

A petição a que a CNN teve acesso tem 36 páginas e é assinada pelo vice-procurador-geral eleitoral Renato Brill de Góes, um dos braços-direito do procurador-geral da República, Augusto Aras.

 

Góes fundamenta seu pedido em informações prestadas à Corte pelo próprio WhatsApp, que apontou ter detectado “comportamento anormal” de parte das contas deles durante o período eleitoral.

 

“O WhatsApp conseguiu recuperar informações sobre duas contas indicadas pelas operadoras de telefonia como pertencentes à SMSmarket Soluções Inteligentes Ltda. e Willian Esteves Evangelista, sócio da empresa. Estas contas foram banidas em 25 de outubro de 2018, depois que a tecnologia de detecção de spam do WhatsApp identificou comportamento anormal, indicativo do envio automatizado de mensagens em massa (…). O WhatsApp informa que uma conta relacionada à Yacows Desenvolvimento de Software Ltda. foi banida em 11 de outubro de 2018 por violar os Termos de Serviço do WhatsApp por suspeita de spam, envio de mensagens em massa ou automatizadas. Informações sobre referida conta ainda estão disponíveis, porque a conta foi objeto de um caso processado perante a justiça eleitoral no Brasil”, disse o WhatsApp, em petição apresentada ao TSE no dia 20 de novembro de 2019.

 

Com base nisso, o Ministério Público decidiu pedir a quebra de sigilo de Luciano Hang e das empresas e das empresas Quick Mobile, Yacows , Croc  e SMSMarket.

 

Trata-se inclusive de uma revisão de uma decisão anterior da procuradoria eleitoral, que havia considerado não haver elementos suficientes para pedir a quebra do sigilo bancário de Hang e das empresas.

 

“É absolutamente relevante o teor da informação prestada pela WhatsApp INC., que noticia a detecção de “comportamento anormal, indicativo do envio automatizado de mensagens em massa” por parte das empresas SMSMarket e Yacows, bem como da pessoa física de William Esteves Evangelista (sócio da SMS Market) – o que, inclusive, levou ao banimento dessas contas. É incontroverso que o surgimento dessa relevante informação superveniente – que converge harmonicamente com os fatos narrados na representação inaugural – consiste em indícios suficientes para a revisitação da decisão de indeferimento das medidas cautelares requeridas pela coligação representante”, disse.

 

O procurador diz ainda que as fake news marcaram a eleição de 2018.

CNN BRASIL

Deixe seu comentário

Gás de cozinha fica mais caro a partir desta quinta-feira e acumula alta de 22% no ano

03 Dez2020

Por Jbelmont às 09h10

O gás de botijão usado para cozinhar vai ficar mais caro outra vez. A Petrobras anunciou que vai aumentar em 5% em média os preços do gás do tipo GLP vendido em suas refinarias a partir desta quinta-feira.

O reajuste vem menos de um mês depois do último aumento e poucos dias após a entrada em vigor da bandeira vermelha no sistema elétrico, que vai aumentar as contas de luz em dezembro.

Com esse aumento do preço médio do GLP praticado pela Petrobras será equivalente a R$ 33,89 por botijão de 13 quilos.

O último reajuste foi também de 5% no dia 4 de novembro. No ano, o GLP acumula alta de 21,9% nas refinarias, que vendem o combustível para as distribuidoras.

De acordo com a Petrobras, com base em dados da Agência Nacional do Petróleo (ANP), na última semana de novembro, a parcela da companhia correspondia a 43% do preço final ao consumidor.

Os 57% restantes se referem às margens do restante da cadeia, composta por distribuidores e revendedores, além de impostos.

Em nota, a Petrobras informou que a fixação dos preços do GLP em suas refinarias “segue a dinâmica de commodities em economias abertas”. Ou seja, usa como referência o preço do combustível no mercado internacional somado aos custos de importação do GLP, que envolve também logística de transporte.

O GLOBO

Deixe seu comentário

Brasil registra 5.698.353 pessoas curadas da covid-19

02 Dez2020

Por Jbelmont às 22h06

Foto: Carol Castro/Imed

O Brasil registrou nesta quarta-feira (2), mais 41.855 pacientes recuperados do coronavírus, totalizando 5.698.353 pessoas curadas da doença.

O número de pessoas curadas já representa 88,5% do total de casos acumulados.

A quantidade de pessoas curadas no Brasil é mais de dez vezes superior ao número de casos ativos (563.782), que são os pacientes em acompanhamento médico.

viabg

Deixe seu comentário

Mega-Sena, concurso 2.323: ninguém acerta as seis dezenas e prêmio acumula em R$ 11 milhões

02 Dez2020

Por Jbelmont às 21h58

Veja as dezenas sorteadas: 20 - 27 - 35 - 39 - 50 - 59. A Quina teve 29 apostas ganhadoras e cada uma leva mais de R$ 67 mil.


Ninguém acertou as seis dezenas do sorteio do concurso 2.323 da Mega-Sena, que foi realizado na noite desta quarta-feira (2) no Espaço Loterias Caixa, no terminal Rodoviário Tietê, na cidade de São Paulo. O prêmio acumulou e, para o próximo sorteio, no sábado (5), os ganhadores podem levar R$ 11 milhões.

Veja as dezenas sorteadas: 20 - 27 - 35 - 39 - 50 - 59.

A Quina teve 29 apostas ganhadoras e cada uma leva R$ 67.337,34.
A Quadra teve 1.825 apostas ganhadoras e cada uma leva R$ 1.528,59.

Deixe seu comentário

Fátima Bernardes revela câncer de útero: "Estou bem"

02 Dez2020

Por Jbelmont às 21h49

Fátima Bernardes revelou em suas redes sociais ter descoberto um câncer de útero nesta quarta-feira (2). Segundo a jornalista e apresentadora do programa Encontro, a doença ainda está em estágio inicial e foi descoberta durante exames de rotina.

Túlio Gadelha postou um recado para Fátima Bernardes após a amada descobrir estar com um câncer no útero.

"Você é mais forte do que pensa. Tudo será mais fácil do que imagina. Estamos juntos nessa, meu amor. #cadaminutoimporta", escreveu ele, ao postar uma foto da apresentadora em suas redes sociais.

Fátima irá se afastar do programa para fazer uma cirurgia e garantiu estar bem, precisando apenas de alguns dias longe para se cuidar. "Enquanto isso, aproveito o aconchego dos meus pais, filhos, do meu amor e dos amigos próximos", escreveu.

Leia na íntegra:

"Estou bem. Depois de uma série de exames de rotina, hoje recebi o diagnóstico de um câncer de útero em estágio inicial. Vou me afastar por uns dias do trabalho pra fazer a cirurgia. Como sempre usei minhas redes com total franqueza e verdade, preferi eu mesma passar essa informação para todos que me acompanham. Enquanto isso, aproveito o aconchego dos meus pais, filhos, do meu amor e dos amigos próximos. E já agradeço pelo carinho, pelas boas energias de todos aqui. Logo, logo estarei de volta para nossos encontros."

"Como anunciado em suas redes sociais, Fátima Bernardes irá se afastar do programa para cuidar de sua saúde. Nos próximos dias, o Encontro será apresentado por Patrícia Poeta. Desejamos pronta recuperação para a apresentadora, que terá todo nosso apoio durante o seu tratamento", disse comunicado oficial enviado à Quem.

g1

Deixe seu comentário

Brasil segue com média móvel de mortes por Covid acima de 500; total de óbitos passa de 174,5 mil

02 Dez2020

Por Jbelmont às 21h09

País tem 174.531 óbitos e 6.436.633 diagnósticos de Covid-19, segundo levantamento do consórcio de veículos de imprensa. Média móvel de mortos pela doença está em 533 por dia.

Por G1

O consórcio de veículos de imprensa divulgou novo levantamento da situação da pandemia de coronavírus no Brasil a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde, consolidados às 20h desta quarta-feira (2).

O país registrou 669 mortes pela Covid-19 nas últimas 24 horas, chegando ao total de 174.531 óbitos desde o começo da pandemia. Com isso, a média móvel de mortes no Brasil nos últimos 7 dias foi de 533. A variação foi de -2% em comparação à média de 14 dias atrás, indicando tendência de estabilidade nas mortes por Covid, quando não há aumento ou queda significativos.

Em casos confirmados, desde o começo da pandemia 6.436.633 brasileiros já tiveram ou têm o novo coronavírus, com 48.107 desses confirmados no último dia. A média móvel nos últimos 7 dias foi de 38.534 novos diagnósticos por dia, a maior desde 6 de setembro --quando chegou a 39.356. Isso representa uma variação de +35% em relação aos casos registrados em duas semanas, o que indica tendência de alta nos diagnósticos.

Onze estados apresentaram alta na média móvel de mortes: PR, RS, SC, ES, MS, AC, AM, RO, CE, PE e SE.

Também vale ressaltar que há estados em que o baixo número médio de óbitos pode levar a grandes variações percentuais. Em Rondônia, por exemplo, a média móvel de mortes passou de 3 a 6 em duas semanas, resultando em variação de 114%. Já no Ceará, que teve a maior variação entre os estados (151%), a média saltou de 6 para 15. Os dados de médias móveis são, em geral, em números decimais e arredondados para facilitar a apresentação dos dados.

Brasil, 2 de dezembro
Total de mortes: 174.531
Registro de mortes em 24 horas: 669
Média de novas mortes nos últimos 7 dias: 533 (variação em 14 dias: -2%)
Total de casos confirmados: 6.436.633
Registro de casos confirmados em 24 horas: 48.107
Média de novos casos nos últimos 7 dias: 38.534 por dia (variação em 14 dias: +35%)

(Antes do balanço das 20h, o consórcio divulgou um boletim parcial às 13h, com 173.979 mortes e 6.396.754 casos confirmados.)

Estados
Subindo (11 estados): PR, RS, SC, ES, MS, AC, AM, RO, CE, PE e SE
Em estabilidade, ou seja, o número de mortes não caiu nem subiu significativamente (10 estados + o DF): SP, DF, MT, AP, PA, RR, BA, MA, PB, PI e RN
Em queda (5 estados): MG, RJ, GO, TO e AL
Essa comparação leva em conta a média de mortes nos últimos 7 dias até a publicação deste balanço em relação à média registrada duas semanas atrás (entenda os critérios usados pelo G1 para analisar as tendências da pandemia).

Deixe seu comentário

RN registra 1.121 novos casos de coronavírus; 01 óbito nas últimas 24 horas, e outros 08 após confirmação de dias anteriores

02 Dez2020

Por Jbelmont às 11h55

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta quarta-feira (02). Foram mais 1.121 casos confirmados, totalizando 96.681. Na terça-feira(01) eram 95.660 infectados.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 2.704 no total. Uma morte nas últimas 24 horas, e oito após a confirmação de exames laboratoriais de dias anteriores. Mortes em investigação são 396.

Casos suspeitos somam 41.897 e descartados são 233.379. Recuperados são 48.736

Deixe seu comentário

Taxa de ocupação de leitos para covid no RN nesta terça-feira é de 56,4%; Grande Natal tem 48,1% e Oeste 78%

02 Dez2020

Por Jbelmont às 11h53

(Foto: Reprodução/Regula/Sesap)

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta quarta-feira (02). Quanto à taxa de ocupação geral das unidades de saúde, os números no fim da manhã mostram 56,4%. Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 204.

Segundo a Sesap, o Seridó registra 40% dos leitos ocupados, seguido da Região Metropolitana(48,1%); e a região Oeste tem (78%) – em destaque como o índice mais alto.

Deixe seu comentário

Sine oferece 177 vagas de emprego para Natal, São José de Mipibu e Mossoró nesta quarta (2)

02 Dez2020

Por Jbelmont às 11h45

Candidatos podem se cadastrar no portal Emprega Brasil, do Ministério do Trabalho, ou através dos aplicativos Sine Fácil e Carteira de Trabalho Digital.

O Sistema Nacional de Empregos (Sine) oferece 177 vagas de trabalho nesta quarta-feira (2) para Natal, São José de Mipibu e Mossoró. Ao todo, de acordo com o órgão, há oportunidades em 21 tipos de cargo, sendo vigilante o que tem mais vagas: 78.

Para concorrer às vagas, é necessário que o candidato se cadastre no portal Emprega Brasil, do Ministério do Trabalho e Emprego. Além do site, o cadastro também pode ser feito pelos aplicativos de celular Sine Fácil e Carteira de Trabalho Digital.

Por causa da pandemia do novo coronavírus, o atendimento presencial do Sine está sendo realizado apenas com agendamento. Em Natal, os telefones da unidade matriz, em Candelária, são: (84) 3190-0783, 3190-0788, 98106-6367 e 98107-4226.

Agendamentos e atendimentos acontecem de segunda a sexta-feira, das 8h às 13h.

Veja as vagas
Atendente de mesa - 20
Auxiliar de cozinha - 20
Auxiliar de escritório - 2
Auxiliar de mecânico de autos - 1
Caseiro - 1
Confeiteiro - 1
Coordenador de restaurante - 20
Copeiro - 1
Digitador - 6
Eletricista bobinador - 1
Jardineiro - 1
Mecânico de ar-condicionado e refrigeração - 1
Montador de veículos (linha de montagem) - 1
Técnico de enfermagem - 8
Técnico de laboratório de análises clínicas - 8
Técnico de refrigeração (instalação) - 2
Técnico de manutenção de máquinas - 1
Técnico em segurança do trabalho - 1
Torneiro mecânico - 2
Vendedor pracista - 1
Vigilante - 78

Deixe seu comentário

Arão vai de herói a vilão, e Racing elimina o Flamengo da Libertadores nos pênaltis

02 Dez2020

Por Jbelmont às 00h21


Com um a menos graças à expulsão de Rodrigo Caio, Flamengo arranca empate nos acréscimos com gol de Willian Arão, que é o único a desperdiçar sua cobrança nas penalidades. Racing se classifica para as quartas de final
Flamengo

Resumão
O Flamengo está eliminado da Libertadores da América. Nos pênaltis, o Racing eliminou o atual campeão na noite desta terça-feira, no Maracanã. O tempo regulamentar terminou em empate em 1 a 1, mesmo resultado do primeiro jogo. Mas não foi um empate qualquer: foi com gol nos acréscimos do Flamengo, que estava com um a menos desde a metade do segundo tempo. Só que, nos pênaltis, Willian Arão viveu seu enredo particular de herói e vilão, e os argentinos se classificaram para as quartas de final.

Deixe seu comentário

Habilitações vencidas em 2020 terão um ano a mais de validade

01 Dez2020

Por Jbelmont às 21h57

Resolução do Contran entrou em vigor nesta terça-feira 1º

Agência Brasil

Está em vigor, a partir desta terça-feira 1º, a resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) que restabelece os prazos para a regularização das carteiras nacionais de Habilitação (CNHs) vencidas.

Segundo a nova resolução, os documentos de habilitação vencidos em 2020 ganharam mais um ano de validade. Com isso, a renovação das CNHs vencidas em 2020 ocorrerá de forma gradual, de acordo com um cronograma estabelecido no documento.

A medida inclui também a Autorização para Conduzir Ciclomotores (ACC) e a Permissão Para Dirigir (PPD), documento provisório utilizado no primeiro ano de habilitação do condutor. Pelo texto, a renovação ocorrerá com base no mês de vencimento do documento.

Ainda de acordo com a resolução, para fins de fiscalização, qualquer documento de habilitação vencido em 2020 deve ser aceito até o último dia do mês correspondente em 2021.

A medida, publicada no último dia 24, revogou uma portaria publicada em março pelo órgão, que suspendeu os prazos para a renovação das CNHs, aplicação de multas, transferência de veículo, registro e licenciamento de veículo novo, entre outros, em razão da pandemia do novo coronavírus.

Cronograma de renovação de CHNs vencidas
Data de vencimento Período para renovação
De 1º a 31 de janeiro de 2020 De 1º a 31 de janeiro de 2021
De 1º a 29 de fevereiro de 2020 De 1º a 28 de fevereiro de 2021
De 1º a 31 de março de 2020 De 1º a 31 de março de 202
De 1º a 30 de abril de 2020 De 1º a 30 de abril de 2021
De 1º a 31 de maio de 2020 De 1º a 31 de maio de 2021
De 1º a 30 de junho de 2020 De 1º a 30 de junho de 2021
De 1º a 31 de julho de 2020 De 1º a 31 de julho de 2021
De 1º a 31 de agosto de 2020 De 1º a 31 de agosto de 2021
De 1º a 30 de setembro de 2020 De 1º a 30 de setembro de 2021
De 1º a 31 de outubro de 2020 De 1º a 31 de outubro de 2021
De 1º a 30 de novembro de 2020 De 1º a 30 de novembro de 2021
De 1º a 31 de dezembro de 2020 De 1º a 31 de dezembro de 2021
Transferências de veículos
A resolução também determina que, a partir de 1º de dezembro de 2020, sejam retomados os prazos para serviços como transferência veicular, comunicação de venda, mudança de endereço, conforme previsto no Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Em relação à transferência de veículos adquiridos de 19 de fevereiro de 2020 a 30 de novembro de 2020, o Contran diz que os departamentos estaduais de Trânsito (Detrans) dos estados e do Distrito Federal poderão estabelecer cronograma específico para a efetivação da transferência de propriedade e que ele deverá ser informado ao Contran até 31 de dezembro de 2020.

Caso os Detrans não estabeleçam um cronograma específico, a transferência de propriedade de veículo adquirido no período indicado deverá ser efetivada até 31 de dezembro de 2020.

Para os veículos novos, adquiridos no período de de 19 de fevereiro de 2020 a 30 de novembro de 2020, também valerá a data 31 de janeiro de 2021 para a efetivação do registro e licenciamento.

Infrações
A resolução também retoma a partir de hoje, os prazos previstos para as infrações cometidas, a exemplo dos prazos para defesa da autuação e recursos de multa; defesa processual e de suspensão do direito de dirigir e de cassação do documento de habilitação, bem como identificação do condutor infrator e expedição de notificações de autuações.

No caso das notificações já enviadas, a resolução posterga para 31 de janeiro de 2021, os prazos para a apresentação de defesa prévia e indicação do condutor, posteriores a 20 de março de 2020. O mesmo prazo vale para as notificações de penalidade.

Já para o envio de notificações registradas no período de 26 de fevereiro até o dia 30 de novembro, será observado um cronograma de 10 meses. Este prazo será contado a partir da data de cometimento da infração. Desta forma, por exemplo, os motoristas que cometeram infrações em fevereiro e março de 2020 deverão ter as notificações de autuações enviadas em janeiro de 2021.

“A autoridade de trânsito deverá providenciar, sempre que possível, leiaute diferenciado para a expedição das NAs [notificações de autuação] decorrentes de infração cometida de 26 de fevereiro de 2020 a 30 de novembro de 2020, ressaltando, com clareza, que estas notificações contam com prazos diferenciados”, diz a resolução.

Já os prazos das licenças para funcionar como Instituição Técnica Licenciada (ITL), vencidos de 20 de março de 2020 a 30 de novembro de 2020, ficam prorrogados para 31 de janeiro de 2021.

Deixe seu comentário

Casos e mortes por coronavírus no Brasil em 1° de dezembro, segundo consórcio de veículos de imprensa (atualização das 13h)

01 Dez2020

Por Jbelmont às 19h44

País tem 173.229 óbitos e 6.344.345 diagnósticos de Covid-19, segundo levantamento junto a secretarias estaduais de Saúde.

O Brasil tem 173.229 mortes por coronavírus confirmadas até as 13h desta terça-feira (1°), segundo levantamento do consórcio de veículos de imprensa a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde.

Desde o balanço das 20h de segunda-feira (30), 6 estados atualizaram seus dados: CE, GO, MG, MS, PE e TO.

Veja os números consolidados:

173.229 mortes confirmadas
6.344.345 casos confirmados
Na segunda-feira, às 20h, o balanço indicou: 173.165 mortes confirmadas, 317 em 24 horas. Com isso, a média móvel de mortes no Brasil nos últimos 7 dias foi de 518. A variação foi de -7% em comparação à média de 14 dias atrás, indicando tendência de estabilidade nas mortes por Covid, quando não há aumento ou queda significativos.

Em casos confirmados, desde o começo da pandemia 6.336.278 brasileiros já tiveram ou têm o novo coronavírus, com 22.622 desses confirmados no último dia.

A média móvel nos últimos 7 dias foi de 35.468 novos diagnósticos por dia, a maior desde 6 de setembro --quando chegou a 39.356. Isso representa uma variação de 20% em relação aos casos registrados em duas semanas, o que indica tendência de alta nos diagnósticos.

Brasil, 29 de novembro
Oito estados apresentaram alta na média móvel de mortes: Santa Catarina, Espírito Santo, Acre, Amazonas, Rondônia, Ceará, Pernambuco e Sergipe.

Também vale ressaltar que há estados em que o baixo número médio de óbitos pode levar a grandes variações percentuais. Os dados de médias móveis são, em geral, em números decimais e arredondados para facilitar a apresentação dos dados.

Estados
Subindo (8 estados): SC, ES, AC, AM, RO, CE, PE e SE
Em estabilidade, ou seja, o número de mortes não caiu nem subiu significativamente (7 estados): PR, RS, RJ, AP, PA, BA e MA
Em queda (11 estados + DF): MG, SP, DF, GO, MS, MT, RR, TO, AL, PB, PI e RN
Essa comparação leva em conta a média de mortes nos últimos 7 dias até a publicação deste balanço em relação à média registrada duas semanas atrás (entenda os critérios usados pelo G1 para analisar as tendências da pandemia).

Deixe seu comentário

Governo do Estado homenageará nesta sexta-feira 15 personalidades no RN com a Medalha do Mérito Potiguar

01 Dez2020

Por Jbelmont às 19h27

A Medalha do Mérito Potiguar do Desenvolvimento Econômico do RN 2020, do Governo do Estado, através da Sedec, reconhecerá as personalidades que se destacaram nos diferentes setores da economia do Estado.

A solenidade de entrega será nesta sexta-feira(04), às 16:00 horas, no Auditório Albano Franco na sede da FIERN em Natal, e contará com a presença da Governadora Fátima Bezerra e outros Convidados.

O reconhecimento do trabalho dessas personalidades pelo desenvolvimento do RN tem várias finalidades, dentre às quais, gratidão da sociedade , o exemplo inspirador para outras pessoas e empresas e mostrar que vale a pena investir no RN.

HOMENAGEADOS – MEDALHA DO MÉRITO POTIGUAR 2020

1. Francisco Ferreira Souto Filho

2. Ângela Maria Paiva Cruz

3. Flávio Gurgel Rocha

4. Carlos Eduardo Xavier

5. Antônio Leite Jales

6. Dirceu Simabucuru

7. Marcelo Henrique Ribeiro Alecrim

8. José Júnior Maia Rebouças

9. Luzia Diva Cunha Dutra

10. Clara Bezerra Medeiros

11. José Valter de Carvalho

12. Thiago Dantas e Silva

13. Manoel Etelvino de Medeiros

14. Francisca Eliane de Medeiros (Neneide)

15. José Ferreira de Melo Neto

Deixe seu comentário

Conselheiro Paulo Roberto Alves é eleito para presidir o TCE-RN pela 3ª vez

01 Dez2020

Por Jbelmont às 19h24

Foto: Divulgação/TCE

O conselheiro Paulo Roberto Chaves Alves foi eleito nesta terça-feira (01/12), em votação virtual realizada durante sessão telepresencial do Pleno, para presidir o Tribunal de Contas do Estado (TCE-RN) no biênio 2021/2022. A escolha se deu à unanimidade de votos. O conselheiro Renato Dias foi eleito vice-presidente, também por votação unânime.

Essa é a terceira vez que Paulo Roberto é escolhido presidente do TCE. Exerceu a função nos biênios 2007-2008 e 2013-2014, períodos em que implantou o Planejamento Estratégico, a Ouvidoria, a política de Recursos Humanos e a primeira auditoria operacional do TCE. Na última gestão, elaborou um compêndio com entendimentos de decisões em consultas que reúne julgados entre 2003 e 2013.

Após a votação, Paulo Roberto agradeceu aos seus pares e os conclamou a uma gestão colaborativa. “É uma honra, para mim, receber a confiança dos meus colegas de colegiado. Conto com cada um dos que fazem o Tribunal de Contas: conselheiros, conselheiros substitutos, procurador-geral e demais procuradores, o nosso laborioso corpo técnico e servidores em geral”.

Ele afirmou que vai dar continuidade ao trabalho desenvolvido pelas últimas gestões. “Vamos reforçar ainda mais as ações em defesa das prerrogativas institucionais do Tribunal, incrementar nossas ferramentas de fiscalização e estimular os meios de atuação preventiva, no intuito sempre de evitar a ocorrência do dano ao erário – nosso propósito maior”, disse.

O conselheiro Poti Júnior, que deixa a presidência na gestão 2019-2020, proclamou o resultado da eleição e cumprimentou os eleitos e o seu substituto e desejou boa sorte à nova composição. O conselheiro Renato Dias também agradeceu pela votação e fez um breve relato da sua história no TCE, com destaque para os projetos desenvolvidos em sua gestão na Ouvidoria. Para concluir, desejou boa sorte ao conselheiro Paulo Roberto na gestão que se inicia em 2021.

Veja a composição AQUI em matéria completa no Justiça Potiguar.

Deixe seu comentário

Perfil do Blogueiro

JBelmont
José J Belmont Natural de São José de Campestre RN Radialista, ex vereador de Mossoró e ex deputado estad…
Leia +